Conheça a Costa do Descobrimento, na Bahia

Conheça a Costa do Descobrimento, na Bahia

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:27

No title Esteiras cobertas por panos de chita, almofadinhas coloridas, cadeiras e espreguiçadeiras de vime trançado. Petiscos servidos em cumbucas e travessas de madeira, acompanhados de talheres trabalhados artesanalmente. Tudo isso embaixo de uma pequena cobertura de palha, que protege contra o sol. O visual lembra o de um SPA, mas estes são alguns dos privilégios que você encontrará em bares e pousadas do sul da Bahia.

A chamada Costa do Descobrimento, que vai desde o Monte Pascoal, o primeiro ponto de terra avistado por Cabral e seus companheiros, até Porto Seguro, a primeira cidade fundada no Brasil pelos portugueses, abriga tesouros naturais e vilarejos onde o rústico e o luxo confundem-se.

A quase 800 km da capital, Salvador, Trancoso é um bom ponto de partida para explorar o litoral. Com várias opções de gastronomia e hospedagem -das modestas às mais luxuosas-, o vilarejo tornou-se conhecido internacionalmente e tem, cada vez mais, abandonado seu lado "hippie" e se aproximado do "chique".

O Quadrado, praça retangular com um extenso gramado, continua sendo o charmoso ponto de encontro do local. Entre as casinhas coloridas que o cercam, há pousadas, restaurantes e simpáticas lojinhas, onde você encontra desde grifes famosas a artesanato local. Refúgio de famosos e endinheirados, Trancoso tem a noite mais agitada do sul da Bahia, com direito a shows de artistas famosos, como Elba Ramalho, dona de uma casa na região.

Cercado por belíssimas praias de areia branca e águas cristalinas, que surgem ao pé de falésias coloridas, o litoral de Trancoso pode ser explorado a pé, a cavalo, de carro pelas estradas ou de bugue pela areia. As praias centrais são mais agitadas e populosas, mas basta uma caminhada de uma hora para descansar em locais paradisíacos praticamente desertos, como Taipe e Itaporoca.

Privilegiado, o sul da Bahia apresenta sol forte e céu azul praticamente o ano inteiro -as chuvas distribuem-se bem pelos meses. A região tem as belezas naturais e a magia do Nordeste brasileiro, com o diferencial do clima mais ameno. Dificilmente você sentirá aquele bafo úmido de calor, porque o vento forte faz o favor de refrescar os turistas desacostumados às altas temperaturas.

As opções agradam diferentes gostos: casais apaixonados em lua-de-mel, famílias aventureiras (dispostas a explorar praias selvagens), gente que quer sossego e jovens a procura de agito, paquera e muito forró. O grande atrativo fica por conta da natureza, que nos convida à simples contemplação.

Caraíva

Na lua cheia, Caraíva apresenta um espetáculo a parte. Sentados na praia, turistas e nativos esperam ela nascer, no mar. Enquanto o Sol se põe do lado oposto, atrás do morro, emerge uma pequena bola alaranjada no horizonte. Algo de extraordinário parece acontecer, a Lua surge com o aspecto de um novo planeta, mas aos poucos ela sobe, adquire sua cor esbranquiçada e esbanja beleza. O céu tinge-se de tons entre o lilás e o azul escuro, e o pôr-do-sol colore as águas calmas do rio Caraíva.

Nesta cidadezinha entre o rio e o mar, formada por várias ruelas de areia fofa, não entram automóveis, não há endereço e a luz elétrica chegou há poucos meses. Para localizar sua pousada, você deve seguir plaquinhas de madeira ou instruções como "caminhe até o final da rua, vire à esquerda e a casa que você procura é uma amarela".

Prepare-se para dançar bastante forró e caminhar na areia fofa escaldante. Em poucos dias, alguns músculos de sua perna, que você nem sabia que existiam, começarão a reclamar. Nada que uma tarde de pernas pro ar, debaixo de uma castanheira de copa avantajada, não resolva.

Em Caraíva, a vida passa no ritmo das águas do rio, vagarosamente, ora cheio, ora mais raso, mudando constante a paisagem. O mais perto que você estará de uma aventura radical será descer o rio de bóia, ou visitar a aldeia de Barra Velha, dos índios Pataxó.

Para andar nas ruas à noite, é necessário levar uma lanterna, pois os moradores optaram por não instalar iluminação pública, preservando o céu cravejado de estrelas, patrimônio de Caraíva.

Praia do Espelho

Apontada como uma das praias mais bonitas do Brasil em diversos rankings, o Espelho faz jus a sua fama. Suas águas quentes e cristalinas são cercadas por falésias e coqueiros. Os recifes dão uma tonalidade única ao mar, que vai do verde claro ao azul turquesa.

De difícil acesso, o Espelho pode ser visitado a pé, de barco ou de carro, por uma pequena estrada que sai da via estadual BA 001. Longe do agito, é uma ótima opção para quem procura sossego e paz. Suas pousadas, bangalôs e restaurantes têm preços salgados, porém, o visual compensa e passar no mínimo uma noite por lá é tentador.

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame