MENU

Saúde

Pílula anticoncepcional diminui cérebro das mulheres, afirma estudo

Estudo revelou outras alterações de efeitos da pílula

Fonte: Guiame, informações de r7Atualizado: terça-feira, 14 de abril de 2015 14:16
pilula anticoncepcional
pilula anticoncepcional

O método preventivo de gravidez, a pílula anticoncepcional, possui efeitos colaterais comuns em toda mulher, como náuseas, alterações de humor e ganho de peso. um estudo realizado na Universidade da Califórnia, em Los Angeles (EUA), revelou outro efeito considerado preocupante: a pílula pode encolher o cérebro.

Os neurocientistas descobriram que duas regiões importantes do cérebro responsáveis pela emoção e tomada de decisão são mais delicadas em pessoas que tomam a pílula.

Os responsáveis pela pesquisa dizem que o córtex orbitofrontal lateral e o córtex posterior cigulate, podem encolher em resposta aos hormônios sintéticos encontrados na droga.

Substâncias artificiais nos hormônios naturais bloqueiam a droga provocando mudanças na forma e função cerebral, de acordo com o estudo publicado na revista Human Brain Mapping.

De acordo com o estudo, o autor principal, Nicole Petersen, recrutou 90 mulheres, com 44 tendo controle de natalidade combinada e 46 sem uso qualquer tipo de controle de natalidade hormonal.

As varreduras do cérebro revelou que o córtex orbitofrontal, responsável pela tomada de decisões, e o posterior cigulate, que processa emoções, ficaram menores do que a média nas mulheres que tomaram a pílula.

Os pesquisadores ainda não têm certeza se este encolhimento é permanente, e agora estão planejando mais estudos para descobrir.

A pesquisa também foi incapaz de descobrir se as alterações na espessura do córtex refletiam em todas as mudanças reais no comportamento das mulheres que tomam a pílula.

 

 

Siga-nos

Mais do Guiame