MENU

Saúde

Os 4 maiores erros cometidos por quem faz academia

Seguir dietas restritivas, apostar sempre no mesmo prato e exagerar na malhação podem estar sabotando seus resultados na academia.

Fonte: GuiameAtualizado: quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017 11:49
Alguns erros podem sabotar todo o esforço dedicado durante as horas de treino. (Foto: Reprodução)
Alguns erros podem sabotar todo o esforço dedicado durante as horas de treino. (Foto: Reprodução)

Muitas pessoas frequentam a academia em busca do corpo perfeito, mas acabam cometendo erros nutricionais que sabotam todo o esforço dedicado durante as horas de treino. Por isso, traçar um plano alimentar de acordo com as condições físicas e objetivos de cada indivíduo é essencial para alcançar êxito e não prejudicar a saúde.

Erros clássicos

Um dos grandes mitos é acreditar que para perder peso e ganhar massa muscular é necessário malhar muito e comer pouco. Assim como os excessos, ser radical também atrapalha. Segundo a nutricionista Sinara Menezes, da Nature Center, o segredo para atingir os resultados almejados está na dosagem. “É preciso saber medir e alcançar um equilíbrio entre treino e dieta para atingir os objetivos de forma saudável”, afirma.

Sendo assim, veja os erros mais recorrentes cometidos tanto por quem busca emagrecer quanto por quem deseja definir os músculos:

Seguir dietas restritivas. Cortar de vez a ingestão de um determinado grupo alimentar em vista do emagrecimento ou ganho de massa pode acabar saindo como um tiro no pé. Além de ser prejudicial à saúde, é um grande desmotivador para quem está começando a praticar atividades físicas. Apostar somente em saladas também é muito perigoso, pois a proteína é essencial para a regeneração e tonificação dos músculos após os exercícios. O ideal é buscar uma reeducação alimentar e adotar um cardápio variado, de preferência sob a orientação de um nutricionista.

Apostar sempre no mesmo prato. A combinação queridinha de quem frequenta academias e deseja ganhar massa muscular é a dupla imbatível de frango com batata doce. No entanto, as chances de enjoar rapidamente e sair dos trilhos são muito grandes. O ideal é incrementar as refeições com alimentos saudáveis como ovos cozidos, peixes, carnes e vegetais ricos em proteínas e de baixo índice glicêmico. Já para aqueles que visam a perda de peso, o consumo excessivo de batata doce, apesar de saudável, pode sabotar o emagrecimento. Ela não deve ser excluída do cardápio, mas é preciso moderação em seu consumo.

Cortar carboidratos. A dieta de “zero carboidrato” não é uma boa opção. Eles são a principal fonte de energia do corpo humano e se dividem em dois grupos: os simples e os complexos. O primeiro grupo gera energia instantaneamente no organismo, o que faz com que haja um pico de insulina para regular os níveis de glicose no sangue. Já os complexos geram menos energia, porém, por um período maior, fazendo com o que o organismo trabalhe constantemente. O ideal é o consumo desse segundo grupo, que é proveniente de frutas e vegetais.

Exagerar na malhação. Malhar exaustivamente é um dos erros mais comuns entre aqueles que estão começando o processo de emagrecimento ou hipertrofia. Muitas pessoas se sentem determinadas a alcançar os resultados em um curto espaço de tempo e acabam excedendo os limites do corpo, o que pode resultar em lesões e até mesmo desacelerar o processo. Isso acontece devido aos exercícios constantes, quando o organismo não encontra tempo suficiente para a regeneração muscular e acaba aumentando a fadiga. É fundamental respeitar o tempo de descanso entre os treinos e, principalmente, dormir adequadamente, para que aconteça a recuperação da musculatura.

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame