MENU

Saúde

Mantenha o seu cérebro jovem e ativo

Mantenha o seu cérebro jovem e ativo

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:30

Nosso cérebro, como todos os órgãos ditos "nobres", exige um estímulo externo adequado para se manter em boas condições. Esse estímulo, comparável ao exercício em um músculo, deve ser permanente e adaptado ao estilo de vida e à idade de cada pessoa.

Veja como manter o seu cérebro jovem e ativo.

Passos

1. Leia de vez em quando livros de um gênero diferente dos que você lê sempre. Isso ajudará a pensar em situações ou cenários diferentes e a desenvolver a sua imaginação. 

2. Escute de vez em quando músicas diferentes das que ouve sempre. Procure encontrar conexões com os seus ritmos preferidos. Se for possível, experimente mudar as letras das canções ou o ritmo delas.  

3. Exercite a sua memória. Tente se lembrar de letras de músicas, frases, números de telefone, elementos que você possa listar e relembrar periodicamente.  

4. Faça cálculos matemáticos sem recorrer ao papel. Quando fizer compras ou anotar as suas despesas, faça as contas mentalmente. Depois confirme, de preferência escrevendo, ou usando a calculadora.

5. Mude as suas rotinas de tempos em tempos. Isso exigirá que o seu cérebro construa um novo circuito de hábitos e, para isso, novas redes de neurônios.

6. Fale com pessoas desconhecidas, o que vai permitir que você entenda outras realidades. Faça perguntas sobre os hábitos delas, o modo de ver a vida, os valores.

7. Adote uma nova atividade física que lhe permita mover os músculos de outra maneira e coordenar seus movimentos de forma diferente da habitual.

8. Faça jogos de completar séries de números e palavras cruzadas. Aprenda e se exercite com dominó, quebra-cabeça, cubo mágico, quebra-cabeça chinês (tangram). O xadrez é um excelente "tônico" cerebral.

Importante

Mantenha uma vida social ativa e troque opiniões com pessoas mais novas. Isso despertará a sua curiosidade e o seu cérebro terá que se ativar para entender os novos códigos. Não hesite em consultar seu médico clínico se notar alterações na concentração ou na capacidade de se lembrar de fatos. Procure ajuda se você estiver atravessando um momento de tristeza, um episódio de depressão ou de estresse. A estabilidade do ânimo é fundamental para o funcionamento adequado e para a manutenção dos padrões atingidos pelo seu cérebro. Postado por: Felipe Pinheiro

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame