MENU

Saúde

Mais pessoas praticam atividade física no país

Mais pessoas praticam atividade física no país

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:30

A quantidade de brasileiros que fazem esportes ou realizam atividades para movimentar o corpo passou de 14,9% da população para 16,4%, entre 2006 e 2008

O número de brasileiros que praticam atividade física regular aumentou em 2008. O percentual passou de 14,9%, em 2006, para 16,4%, no ano passado. Os novos índices foram anunciados, neste domingo, dia 5, pelo ministro da Saúde, José Gomes Temporão, durante evento de celebração do Dia Mundial de Atividade Física, no Rio de Janeiro. Embora continue alto, o sedentarismo baixou 29,2%, em 2006, para 26,3%, em 2008.

As informações inéditas estão no estudo Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas Por Inquérito Telefônico (VIGITEL), do Ministério da Saúde. A pesquisa foi realizada nas 26 capitais e no Distrito Federal, entre abril e dezembro de 2008. Foram 54 mil entrevistas telefônicas realizadas pelo VIGITEL, desenvolvido em parceria com o Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde da Universidade de São Paulo.

"Os dados mostram uma tendência positiva, mas ainda é preciso mudar o padrão alimentar e de atividade física da população. Transformar esses dois hábitos básicos em estilo de vida poderia evitar, no Brasil, cerca de 260 mil mortes por ano, relacionadas a doenças cardiovasculares e cânceres", afirmou o ministro.  

O relatório mostra que homens são mais ativos: 20,6% fazem alguma atividade física. Entre as mulheres, o índice é 12,8%. Mas são eles também que lideram o sedentarismo, correspondendo a um percentual de 29,5% aqueles não praticaram qualquer atividade física nos últimos três meses, não realizaram esforço físico intenso no trabalho, não se deslocaram para o trabalho a pé ou de bicicleta, e não eram responsáveis pela limpeza pesada da casa. Entre as mulheres 23,5% são consideradas sedentárias. Para os idosos, esse índice baixou de 56,5%, em 2007, para 52,6%, em 2008, entre adultos a partir de 65 anos de idade.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera "suficiente" a prática de 30 minutos diários, por pelo menos cinco dias na semana, de atividade leve ou moderada; ou 20 minutos diários de atividade vigorosa, em três ou mais dias da semana. Caminhada, caminhada em esteira, musculação, hidroginástica, ginástica em geral, natação, artes marciais, ciclismo e voleibol são práticas leves ou moderadas. As vigorosas são corrida, corrida em esteira, ginástica aeróbica, futebol, basquetebol e tênis.

O ministro explicou que não é preciso ser um atleta para realizar atividades físicas. Segundo ele, a população deve inserir hábitos, como deixar o carro para percorrer à pé itinerários mais curtos, dar preferência à escada quando subir poucos andares em um prédio, brincar com os filhos, dançar, limpar a casa, entre outras atividades que movimentem o corpo.

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame