MENU

Saúde

Cuidado com os ouvidos no verão

Cuidado com os ouvidos no verão

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:31

Verão. É nessa época do ano que as pessoas que freqüentam praias ou piscinas devem ter alguns cuidados especiais com os ouvidos.  As altas temperaturas, a umidade excessiva e a grande procura por praias e piscinas podem aumentar o surgimento de inflamações e infecções nos ouvidos, as otites, que aumentam sua incidência em 70% nessa estação.

Segundo Marcelo de Toledo Piza, Otorrinolaringologista da ABORL-CCF (Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial), é no verão que ocorrem mais casos de infecções nos ouvidos.

Os sintomas da otite são:

Dor;

Secreção;

Coceira;

Inchaço.

Diminuição da audição

As conseqüências das otites são dores intensas, desconfortos causados pelas infecções e até mesmo diminuição temporária da audição, se a doença não for tratada adequadamente. As causas da doença são diversas e podem ser originadas por lesões na pele, uso de objetos ou o próprio dedo, água contaminada e até mesmo a remoção da cera que protege o ouvido. “Muitas vezes, a umidade causa uma irritação e coceira no conduto auditivo externo (CAE) do ouvido, e para aliviar o desconforto muitos utilizam cotonetes e outros objetos que podem causar trauma na pele, fator inicial para o desenvolvimento da infecção, sendo que, para fazer a limpeza do ouvido, basta limpar somente até onde o dedo alcança na hora do banho”, afirma Toledo Piza.

É recomendável em casos de dores de ouvido, principalmente durante o verão, fazer um exame otológico, que permite visualizar o canal auditivo. “A otite externa normalmente tem uma evolução tranqüila, sendo facilmente tratada”, diz Piza. Para o tratamento da otite, utiliza-se limpeza cuidadosa, medicação tópica em gotas contendo antibióticos ou antifúngicos, além de compressas de calor, que ajudam a aliviar a dor. Caso haja coceira, é necessário fazer aspiração da secreção.

Saiba como se prevenir:

Sempre seque bem os ouvidos, apenas com uma toalha, após nadar ou mergulhar;

Evite nadar em águas sujas;

Quando sentir água no ouvido escorra para fora do canal externo, inclinando a cabeça para ambos os lados e apertando a orelha em diferentes direções; 

Nunca use hastes flexíveis com ponta de algodão dentro do conduto auditivo.

Tratada a doença, os sintomas desaparecem em dois ou três dias. Cuide da sua audição neste verão e ouça os sons das festas e do mar!

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame