MENU

Saúde

Carnes mais bem passadas aumentam risco de câncer no pâncreas, diz estudo

Carnes mais bem passadas aumentam risco de câncer no pâncreas, diz estudo

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:30

Pessoas que comem, regularmente, carnes vermelhas bem passadas ou queimadas têm maior risco de desenvolver câncer no pâncreas, segundo estudo da Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos. De acordo com os autores, essas carnes mais bem passadas contêm mais substâncias causadoras de câncer, como aminas heterocíclicas.

Entre as 62 mil pessoas avaliadas, 208 foram diagnosticadas com câncer pancreático. E, quando esses voluntários foram divididos em cinco grupos de acordo com a quantidade de carne bem passada e hambúrgueres que comiam, os pesquisadores notaram que aqueles diagnosticados com o câncer estavam nos dois grupos que comiam mais esse tipo de alimento.

"Descobrimos que aqueles que preferem bifes muito bem passados eram 60% mais propensos a desenvolver câncer pancreático do que aqueles que comiam carnes menos bem passadas ou não comiam carnes", concluíram os autores. Segundo eles, "passar" menos a carne pode ser uma tentativa válida de reduzir os riscos, mas não comê-las seria mais eficaz. Mais estudos são necessários.

Siga-nos

Mais do Guiame