Como ter intimidade com Deus - Instruções bíblicas pra se estar na presença de Deus

Como ter intimidade com Deus - Instruções bíblicas pra se estar na presença de Deus

Fonte: Atualizado: sábado, 29 de março de 2014 03:30

Quem gostaria de, se possível, conversar com Deus como se conversa com uma outra pessoa qualquer? Esta é a sensação que temos no relacionamento entre Deus e Moisés, por exemplo. Parece que Moisés falava com Deus da mesma maneira que falava com Josué ou Arão.

Se existe um segredo para se ter esta intimidade, será que ele está escondido na Bíblia? E se está, seria possível encontrá-lo? Eu penso que a resposta é positiva para ambas as perguntas. E vou além! Ele não está tão escondido assim. A dificuldade está em que a maioria não está disposta a pagar o preço para um relacionamento íntimo com Deus. Antes de continuar, preciso dizer que não cabe a mim dizer que a relação Deus/Moisés pode ser repetida. Isto cabe a Ele. Mas um nível profundo de intimidade com Deu é perfeitamente possível e atingível a qualquer ser humano. E é o Salmo 15 que nós dá a receita. 

Vs 1 – "Ó SENHOR Deus, quem tem o direito de morar no teu Templo? Quem pode viver no teu monte santo?"  O salmista aqui expressa o desejo de morar continuamente com Deus. Para nós, este texto fala da profunda intimidade com o Senhor. Acho que neste ponto não existem declinantes. Mas no verso dois é que começa a peneira. Não é qualquer um que consegue passar por estes crivos.

Vs 2-  "O que vive com integridade" -  Integridade fala de pessoa que não tem do que se envergonhar do ponto de vista moral. Que não está a fim de levar lucro na relação com Deus e com o seu próximo. "E pratica a justiça" - não apenas a justiça criminal, mas a social, que não aceita nem concorda com o suborno, seja em que nível for. "E, de coração, fala a verdade" – mais do que falar, é viver na verdade, sem falsidades.

Vs 3 - "O que não difama com sua língua, não faz mal ao próximo, nem lança injúria contra o seu vizinho" – o salmista aqui resume a atitude digna que se deve ter com o próximo.

A sentença final diz que os íntimos de Deus têm mais duas atitudes aprováveis: não dar crédito aos que não honram ao Senhor nem se deixam corromper pelo amor ao dinheiro.

Vs 4,5 – "O que, a seus olhos, tem por desprezível ao réprobo, mas honra aos que temem ao SENHOR; o que jura com dano próprio e não se retrata; o que não empresta o seu dinheiro com usura, nem aceita suborno contra o inocente. Quem deste modo procede não será jamais abalado"

Você está pronto para ser amigo íntimo de Deus?

Vinícius Ferreira Santos é pastor, escritor e missionário. Trabalhou na fundação de Igreja na Bahia e é co-fundador de um centro de recuperação de drogados. Além de autor do livro "Matar ou deixar viver?". Atualmente dirige uma Igreja em Boissucanga, litoral norte de São Paulo. 

Siga-nos

Mais do Guiame