Sou grato, mesmo nas dificuldades?

“Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco”

Fonte: Não Morda a MaçãAtualizado: quinta-feira, 18 de dezembro de 2014 17:07
gratidão
gratidão

gratidãoTalvez ao ler o título você tenha a mesma sensação que eu tive: “Puxa, 2014 foi um ano difícil…” ou então “2014 foi ótimo, que venha 2015 e vamos pra cima!”

Bom, para mim foi um ano complicado mesmo, não me lembro de outro ano com tantas lutas, problemas e dificuldades… Foi um ano complicado mesmo. Vou contar um pouco de como foi e depois quero fazer a aplicação sobre o título.

Neste ano, uma das áreas que mais sofri foi a saúde. Descobri alguns probleminhas como tendinite, uma quase hérnia na coluna lombar e algo chamado ceratocone nos olhos, tudo em menos de 1 mês. Quando tive o último diagnóstico fiquei um tempo parado pra entender e quase me comecei a questionar o “porque” de tudo aquilo estar acontecendo comigo, quase. Já trago também um histórico de rinites, sinusites e outras coisas pequenas, mas chatas, e juntando tudo fiquei atônito, frustrado.

Nesta mesma semana fui à Igreja de um amigo e o culto era sobre gratidão. Confesso que, a princípio, não cheguei com um coração grato por tudo o que significava 2014. Mas, enquanto o culto acontecia comecei a me lembrar de que mesmo com todas as dificuldades do ano, Deus NUNCA me abandonou! Ele sempre trouxe resposta e ânimo quando precisei, agora não era diferente! Comecei a me lembrar que neste ano também tive a graça de conquistar coisas boas, estruturei minha casa e casamento, adquiri meu 1o carro, fiz uma boa viagem com minha esposa, ganhei novos amigos, conheci pessoas novas, fomos chamados para novos desafios ministeriais juntos…. Graças a Deus tudo aconteceu!

Então meu sentimento em relação à saúde começou a mudar e passei a enxergar que as outras funções do corpo estavam ótimas e dei graças a Deus por isso! Sim, meu coração foi tomado por uma alegria e gratidão por tudo, pelas dificuldades que me fizeram evoluir, pelas conquistas, pela saúde… Só bastou eu começar a enxergar que ainda assim Deus estava no controle, que existem propósitos para tudo, que, por mais que alguma coisas não funcionem da forma como deveriam, as outras estão muito bem e elas precisam falar mais alto para não me prender na tristeza, no rancor, na amargura e viver uma vida digna, feliz e dedicada a Deus, porque apesar dos pesares, Ele continua sendo Deus, continua me amando, me escolhendo e não desistindo de mim! Este não é um excelente motivo para ser grato?

Bom, não sei como foi o seu ano, o meu resumi aqui. Imagino que você tenha tido dificuldades também, lutas, perdas, tristezas e motivos para desistir. Mas, hoje, quero te incentivas a olhar para as coisas boas que também aconteceram, com certeza aconteceram! Te mostrar que, por mais que você possa ter sido rejeitado(a) pelas pessoas, ter perdido amizades, empregos, saúde, desafios, por mais que as adversidades queriam falar mais alto, Deus não desistiu de você! Ele continua te amando, torcendo por você entender O caminho dEle e te esperando na Glória, quando o Dia chegar!

Se você não teve motivos reais para ser grato, se agarre a isso: Deus te ama e isso é tudo o que importa! Ele cuida dos Seus filhos! E lembre-se que, enquanto trilhamos o caminho nem sempre entendemos o porquê de ser assim, mas no final tudo se esclarece e entendemos os propósitos das coisas serem como são.

Por isso, ainda dá tempo de ser grato por 2014 e começar a planejar um 2015!

Falando em 2015.. você já orou perguntando o que Deus quer de você em 2015? Se não, este é um bom momento para!

Para terminar medite neste texto:

“Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco” 1 Tessalonicenses 5:18

Amém?!

As adversidades aumentam nossa resiliência, as tristezas fortalecem o coração e as alegrias nos animam para continuar caminhando, não vamos desistir, não podemos desistir. Sigamos para o alvo sem olhar pra trás!

Graças a Deus por tudo, por TUDO, o que vivemos.

Bom fim de ano, um excelente 2015 para você, sua família e que você viva ainda mais nos propósitos de Deus no próximo ano!


- Samuel Oliveira

Siga-nos

Mais do Guiame