MENU

Geral

Você sabe quais são as competências cobradas na redação do Enem?

Entenda o que você precisa apresentar em uma boa redação

Fonte: guiame.com.brAtualizado: quarta-feira, 30 de julho de 2014 14:26
redação
redação

redaçãoA redação é uma parte relevante na prova do Enem e tirar nota máxima é o desejo de muitos vestibulandos.

Mas não é tão simples, a redação do Enem é exigente e é preciso atender às competências exigidas.

O Universia separou essas competências para explicar uma a uma. Confira:

Competência 1: Demonstrar domínio da norma padrão da língua escrita

Na sua redação, você deve ser objetivo e claro utilizando vocabulário variado. Além disso, você não pode escrever usando marcas da oralidade, como gírias, afinal o avaliador analisará se você sabe distinguir os registros formal e informal.

Competência 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento, para desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo

É nesse momento que o avaliador verá a qualidade da sua leitura porque para aqueles que lêem bem, torna-se fácil escrever dentro dos requisitos da proposta da redação. Avaliando essa competência, o corretor também perceberá sua bagagem cultural, já que você exibirá nos seus argumentos exemplos da sua vida, seja experiências pessoais, seja livros e filmes com os quais você cruzou ao longo dos seus anos. Para ter uma boa avaliação nesse quesito, deixe clara a tese que você quer defender e utilize argumentos fortes, isto é, que de fato provem o seu ponto de vista. Atente também ao uso que você fará dos textos motivadores. Estes devem servir apenas como inspiração para seu texto, ou seja, não os copiem. Desenvolva suas próprias ideias.

Competência 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista

A relação entre as competências 2 e 3 é inegável, já que esta última atenta ao seu conhecimento de mundo e como você o usou na sua redação.. Sobre isso, a professora de redação Andrea Lanzara, do Cursinho da Poli, em São Paulo, comenta: “a competência 2, que é a compreensão da proposta, e a competência 3, que vai selecionar, organizar, interpretar os fatos e opiniões em defesa de um ponto de vista cobram o modo como o aluno leu a proposta de redação.”. É também observado pelo avaliador, baseando-se na competência 3, a coerência do seu texto e se o leitor consegue compreendê-lo facilmente.

Competência 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação

“O candidato soube encadear bem suas ideias?” É esta a pergunta que o avaliador fará ao ler sua redação. Em outras palavras, você deve se preocupar se usou adequadamente as conjunções e preposições para conectar suas sentenças e parágrafos, se estes estão bem estruturados e se seu texto, de maneira geral, tem sua sequência lógica.

Competência 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos

Geralmente, a proposta de redação propõe ao estudante um problema e, por isso, pede que você sugira uma solução. No entanto, mais do que viável, sua resolução deve respeitar a cidadania, liberdade e diversidade cultural, além de ser solidária. Detalhe sua proposta de solução e confira se ela é coerente.

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame