Cuba denuncia censura do Facebook após página ser tirada do ar

Cuba denuncia censura do Facebook após página ser tirada do ar

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 10:00

Cuba denunciou neste sábado (15) que o Facebook censurou uma página que pedia ao YouTube – propriedade do Google – a restituição do canal de vídeos do site estatal "Cubadebate.cu", fechado por denúncia de violação dos direitos autorais.

"O Google censura, o Facebook também. Hoje amanhecemos com uma nova agressão", afirma o portal, ao informar que a rede social fechou na sexta-feira (14) uma página que contava com mais de 1 mil seguidores.

A página foi criada na quinta-feira (13), depois que o Cubadebate denunciou que o YouTube fechou sua conta alegando "infração de direitos autorais" em um vídeo sobre o ex-agente cubano da CIA, Luis Posada Carriles, que está em julgamento nesta semana nos Estados Unidos por fraude migratória.

O Cubadebate, onde o ex-presidente Fidel Castro publica seus artigos de opinião, afirma que as imagens, nas quais Posada Carriles "exigia pagamento por seus serviços" em atentados contra Cuba, circulavam na internet e havia sido usadas por vários outros sites.

Segundo o Cubadebate, o momento em que o Google fechou seu canal no YouTube, havia mais de 400 vídeos, entre entrevistas e mensagens de Fidel, e 1,6 milhão de visitas desde sua abertura há quase três anos.  

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame