Tite evita julgar Mano e diz: "Não quero falar de Corinthians"

Fonte: Terra.comAtualizado: sexta-feira, 17 de outubro de 2014 11:55

Grande pedido da torcida do Corinthians, que após eliminação da Copa do Brasil para o Atlético-MG lembrou o treinador e demandou a saída de Mano Menezes, Tite evitou falar do ex-clube. Perguntado se poderia analisar o momento atual vivido pelo time alvinegro e a eliminação, Tite disse que poderia falar de qualquer assunto, menos do clube paulista:

"Me perdoe. Mas não quero falar do Corinthians. Tudo o que eu falo repercute muito pelo passado que vivi no clube e fazem comparações. Eu quero nutrir respeito pelas pessoas e não ferir os sentimentos. Todos vão me entender. O que posso dizer é que o Corinthians tem uma ótima equipe, com uma qualidade técnica muito grande. Vi a derrota para o Atlético e posso falar dos mineiros, dizer que o Levir Culpi foi muito feliz, que o Tardelli jogou muito, que o Guilherme é ótimo e se afirmou com a saída de Ronaldinho. Do Corinthians, não", explicou educadamento o treinador à Rádio Gaúcha.

Sem clube desde 2013, quando deixou o próprio Corinthians e viajou o mundo para estudar mais o futebol,. Tite diz que está de olho no mercado para 2015. 

"É claro que agora estou procurando uma possibilidade de retornar profissionalmente. É a partir de agora que o campeonato começa a se decidir, os clubes, os dirigentes decidem as coisas. E nesse barco de definições eu estou junto", afirmou o treinador.

Sobre o fato de ele não ter sido o escolhido para o comando da Seleção após a Copa, Tite disse ter assimilado o baque. Mas que o seu dia ainda pode chegar. "A vida tem a sua própria velocidade para que as coisas aconteçam. Vamos esperar. O que eu tenho é tranquilidade para desenvolver minha carreira. A busca do novo, do conhecimento para seguir em alto nível. É isso que eu gosto é isso que me trouxe até onde estou na profissão. E observando o mercado".

 
Siga-nos

Mais do Guiame