Oswaldo elogia Mattos, repete promessa de Nobre e avisa: "Quero 34 atletas"

Fonte: uol.com.brAtualizado: terça-feira, 16 de dezembro de 2014 18:01
Oswaldo de Oliveira
Oswaldo de Oliveira

Agora é oficial. Oswaldo de Oliveira é o novo treinador do Palmeiras. Ele assinou contrato na manhã desta terça-feira (16) para substituir Dorival Júnior, demitido após o fim do Campeonato Brasileiro. Junto com ele também chegam o auxiliar-técnico Luiz Alberto, o preparador físico Ricardo Pinto e o analista de desempenho Gabriel Oliveira.

Ele chega como o técnico mais caro da era de Paulo Nobre, ganhando R$ 350 mil, à frente de seus antecessores Gilson Kleina, Ricardo Gareca e Dorival. Para honrar os vencimentos, ele já até repetiu a promessa do presidente, de um time competitivo.

Oswaldo"Realizo um sonho de trabalhar nesse clube com tanta tradição, tanta herança para o futebol brasileiro. Realmente uma emoção muito grande, muito inspiradora e muito motivadora acima de tudo. Vamos buscar ao longo desse ano conseguir restaurar os grandes momentos do Palmeiras. Quero também agradecer ao meu colega Dorival Júnior a quem estou sucedendo, pelo trabalho desenvolvido, pela manutenção da Série A", afirmou em suas primeiras palavras.

"Eu vou montar uma equipe ofensiva se tiver característica disso. A nossa promessa é montar um time competitivo. Foi isso que me apresentaram como projeto", completou.

Além de Oswaldo, o Palmeiras de 2015 terá o diretor de futebol Alexandre Mattos e o gerente Cícero Souza como novidades para a temporada. O primeiro, aliás, recebeu muitos elogios do comandante e já até ouviu o recado de que o ideal é ter 34 atletas no elenco. 

Dentro de campo, a equipe já fechou contrato com Amaral, volante que estava no Goiás, encaminhou acerto com Vitor Hugo, zagueiro que jogou pelo América-MG em 2014, e procura Lucas, ex-lateral do Botafogo, e Rafael Sóbis, atacante do Fluminense. 

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame