Líder da 'Geral' diz que nunca viu racismo na torcida do Grêmio

Fonte: Terra.comAtualizado: quarta-feira, 3 de setembro de 2014 13:57
Alemão diz nunca ter visto racismo na torcida do Grêmio
Alemão diz nunca ter visto racismo na torcida do Grêmio

Um dos líderes da torcida organizada Geral do Grêmio, Rodrigo Rysdyk, prestou depoimento à polícia nesta quarta-feira em Porto Alegre sobre as injúrias raciais cometidas contra o goleiro Aranha, do Santos. Ao deixar a delegacia, Alemão, como é conhecido, afirmou que nunca viu atitudes racistas da torcida em jogos do Grêmio, mas não quis dar maiores declarações sobre o teor de seu depoimento. Outras duas pessoas identificadas nas imagens serão ouvidas ainda nesta quarta.

Segundo o inspetor Lindomar Souza Alemão, o líder falou por cerca de uma hora e reconheceu algumas pessoas que aparecem nas imagens fornecidas pelo Grêmio. “Ele colaborou com as investigações, disse que estava lá, mas que não participa disso (atos de injúria)”, disse o policial.

“Ele disse que as músicas (de teor racista) são cantadas pela torcida há 20 anos e que estas músicas não têm conotação racista”, afirmou Souza. No depoimento, Alemão afirmou que conhece algumas pessoas que aparecem nas imagens, mas disse que conhece alguns apenas de vista não tem relações mais próximas com esses indivíduos.

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame