Goleiro do Palmeiras admite falha e culpa o vento por primeiro gol do Ituano

Goleiro do Palmeiras culpa o vento por primeiro gol do Ituano

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:07

Goleiro do Palmeiras culpa o vento por primeiro gol do ItuanoA tarde deste domingo vai causar pesadelos nos goleiros do Palmeiras. Depois de Fernando Prass deixar o gramado com suspeita de luxação ainda no primeiro tempo, o reserva Bruno falhou nos dois gols do Ituano e terá de manter a confiança para a sequência decisiva com quartas de final do Campeonato Paulista e oitavas de final da Copa Libertadores da América.

Prass deixa o estádio com ombro imobilizado e vai a hospital

No primeiro gol da vitória do Ituano, Bruno se precipitou na hora de tentar cortar cruzamento de Fernando Gabriel e viu a bola morrer no fundo do gol palmeirense. Na saída do campo de jogo, o camisa 1 reconheceu o erro, mas negou ter vacilado ao espalmar para o meio da área em chute de Fernando Gabriel e deixar a bola limpa para Marcão definir o 2 a 1 para o Galo de Itu.

\"No primeiro sim, eu falhei. Dei um passo para frente para tentar cortar o cruzamento, mas o vento acabou levando a bola para trás. Quando eu fui ver, já não dava mais. Foi um erro de cálculo, pois dei o passo para frente, ela voltou rápido demais e eu não consegui voltar com o vento\", justificou o goleiro.

Em entrevista coletiva, o técnico Gilson Kleina não teve como escapar das perguntas sobre o desempenho de Bruno no estádio Novelli Júnior. Sem hesitar, o treinador garantiu que tem confiança total no arqueiro para os confrontos com Santos e Tijuana-MEX.

\"O Bruno é um jogador que treina muito, se dedica muito e o torcedor pode ter certeza que ele tem condições de fazer essas decisões. O Fernando Prass vai ajudar muito, pois eles são muito amigos. Bem como o preparador de goleiros (Evelton Isoppo, o Palha)\", ressaltou o treinador palmeirense após a derrota para o Ituano aos 47 minutos do segundo tempo.

Os duelos decisivos em que Bruno terá a responsabilidade de assumir a meta palmeirense pela Libertadores já têm data marcada. No dia 30 de abril, uma terça-feira, os palestrinos encaram o Tijuana às 22h30 (de Brasília), no estádio Caliente. A volta acontece no dia 14 de maio, às 22 horas, no Pacaembu. Pelas quartas de final do Paulistão, o Verdão encara o Santos na Vila Belmiro, mas o confronto ainda não foi agendado.


Continue lendo...

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame