De volta de seleções, Paulinho e Guerrero só jogam se pedirem a Tite

De volta de seleções, Paulinho e Guerrero só jogam se pedirem a Tite

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:08

Gazeta

Jogadores defenderam suas seleções e são dúvida para o jogo de sábado contra o São Caetano pelo Paulistão

Além dos jogadores que têm sido alvos do rodízio promovido pelo técnico Tite para preservar o grupo do Corinthians, outros dois seguem como dúvida para o embate deste sábado de Carnaval, às 16h20 (de Brasília), contra o São Caetano. Retornando de atuações pelas seleções brasileira e peruana, respectivamente, Paulinho e Guerrero só entram em campo se pedirem ao comandante.

O volante e o atacante retornam ao CT Joaquim Grava na manhã desta sexta-feira, ao lado do restante dos companheiros que empataram com o Botafogo de Ribeirão Preto, mas em situações distintas. Enquanto Paulinho jogou praticamente toda a derrota do Brasil para a Inglaterra, em Londres (ele só deu lugar a Jean aos 17 do segundo tempo), Guerrero foi reserva acionado no amistoso contra a seleção de Trinidad e Tobago.

 

<p class="\&quot;" \"="">\"Apesar de eles não terem completado o ciclo de trabalho com a gente durante a semana, vamos conversar. O Paulinho fez viagem mais longa, e se não me engano jogou mais que o Guerrero, então existe chance de o Paulinho estar mais cansado. Mas já vimos que ele se recupera bem. O Guerrero está em condição de disputa (por vaga no ataque), todo mundo querendo estar entre os 11. Vamos ponderar os riscos\", explicou Bruno Mazziotti, fisioterapeuta do Corinthians e uma espécie de ‘guru’ do técnico Tite neste início de temporada.

Ao lado do preparador físico Fábio Mahseredijan e do restante da comissão técnica, o Corinthians tem feito uma preparação diferenciada em 2013. Após a volta do Japão, onde foi campeão mundial, o grupo de jogadores se reapresentou em três turnos: os que não viajaram, os reservas e os titulares da conquista do bicampeonato. No Campeonato Paulista, os dois primeiros grupos começaram jogando e só dão espaço paulatinamente aos ‘donos’ das posições.

Diante do São Caetano, por exemplo, a equipe deve contar com as voltas de Danilo, Paulo André e Alessandro, que foram poupados contra o Botafogo, na quarta-feira. Em compensação, já pensando no clássico contra o Palmeiras e na estreia da Libertadores, na Bolívia, outros devem ser preservados, como Fábio Santos, Jorge Henrique, Emerson, Ralf e Alexandre Pato.


Continue lendo...

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame