Pressão e críticas: Peixe terá semana comprida após derrota no clássico

Pressão e críticas: Peixe terá semana comprida após derrota no clássico

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:54

Foi apenas a primeira derrota do Santos em dez jogos no ano. Mas o peso é grande. A queda diante do Corinthians, por 3 a 1, no último domingo, no Pacaembu, pela nona rodada do Paulistão, provocou uma enxurrada de críticas ao técnico Adilson Batista e caras fechadas na reapresentação, nesta terça-feira. Para piorar, o próximo jogo é só no sábado, contra o São Bernardo, também pelo estadual. Uma semana inteira para remoer o clássico.

O goleiro Rafael, apesar de ter apenas 20 anos, já entende bem como as coisas funcionam na Vila Belmiro: perder para o Corinthians é inaceitável para os torcedores alvinegros. Por isso, não vê a hora de sábado chegar.

- Se nós tivéssemos perdido uns cinco jogos, mas vencido o Corinthians, talvez a torcida estivesse contente. Estou louco para que voltar a jogar logo. Com vitórias contra o São Bernardo e, principalmente, contra o Cerro Porteño-PAR (dia 2, pela Taça Libertadores) tudo isso passa - afirmou o goleiro Rafael.

Já o zagueiro Bruno Rodrigo afirma que os torcedores do Santos estão mal acostumados. Atual campeão estadual e da Copa do Brasil, o Peixe encantou em 2010. Neste ano, o time tem um desempenho regular: dez jogos, cinco vitórias, quatro empates e uma derrota. No entanto, o futebol não encanta.

- Entendemos o lado do torcedor. Ele quer vencer o clássico para não ter de ficar escutando (sarro) do amigo corintiano. Mas o time vem bem. Perdemos só o primeiro jogo no ano.    

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame