Pessimista, RBR quer 'limitar danos' na próxima corrida do ano, na Itália

Pessimista, RBR quer 'limitar danos' na próxima corrida do ano, na Itália

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 10:14

A RBR admitiu que vai encarar o GP da Itália, próxima corrida da temporada, em modo de "limitação dos danos", já que o circuito de Monza, de alta velocidade, não é um dos mais favoráveis ao carro da equipe austríaca. A intenção é voltar ao bom desempenho nas corridas seguintes, em pistas de média e baixa. O time admitiu que o modelo deste ano não é bom em longas retas, principalmente por causa do duto aerodinâmico.

- A Hungria foi uma pista que realçou os pontos fortes do nosso carro, sem retas e com muitas curvas. Em Spa, não tínhamos muitas curvas, mas longas retas. Cingapura será boa para nós, assim como o Japão e a Coreia do Sul. Sabíamos que Spa e Monza eram territórios da McLaren, e precisamos limitar os danos, assim como fizemos com Mark (Webber), segundo na Bélgica. Sair de lá com este resultado foi ótimo para nós - diz Christian Horner, chefe da RBR.

Apesar de não esperar um domínio como na Espanha, Mônaco e Hungria, Horner acredita em um pódio em Monza. Mas ele ressalta que o fim de semana será complicado para o time.

- Monza, com certeza, será um fim de semana difícil para nós. Mas nós fizemos melhor que o esperado em Montreal e Valência neste ano. Andamos bem onde a McLaren teve um mau desempenho, como na Hungria, quando Mark deu uma volta em Jenson (Button). Em Spa, que não nos favorece, ainda conseguimos um segundo lugar fora. Estou otimista, mas acho que a pista italiana será nosso ponto fraco do ano. Um pouco de chuva lá seria bom para nós.

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame