Apetite por ações cresce e bancos ditam alta das bolsas dos EUA

Apetite por ações cresce e bancos ditam alta das bolsas dos EUA

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 10:00

As bolsas de valores dos Estados Unidos terminaram em alta na quarta-feira (12), conduzidas pelas ações de bancos e de empresas ligadas a commodities.

Preocupações com os problemas de dívida na Europa tiveram alívio, enquanto investidores viram mais fluxo de dinheiro para os mercados de ações por especulações de que a economia vai se fortalecer.

O índice Dow Jones , referência da bolsa de Nova York, avançou 0,72%, para 11.755 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,75%, para 2.737 pontos. O índice Standard & Poor's 500 ganhou 0,90%, aos 1.286 pontos.

Setores que geralmente se beneficiam da alta inflacionária, incluindo os segmentos agrícola e de energia, mostraram força. Os papéis da fabricante de produtos agrícolas Monsanto subiram 3,3%, enquanto os da Exxon Mobil ganharam 1,2%.

Os bancos também tiveram bom desempenho, liderados pela valorização de 2,5% nas ações do JPMorgan Chase, após seu presidente-executivo dizer que o banco pode aumentar seus dividendos caso o Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) autorize.

Eric Marshall, diretor de pesquisa da Hodges Capital Management, em Dallas, no Texas, afirmou que os recursos que estão deixando o mercado de bônus "estão lentamente retornando às ações".

"Realmente é a primeira vez em três anos em que estamos vendo saídas de capital dos mercados de títulos."

Um saudável leilão de títulos públicos portugueses direcionou investidores a ativos considerados de maior risco. O mercado tem esperanças de que os ministros de Finanças da zona do euro possam elevar o tamanho de um fundo de resgate a países da região.

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame