Ana Paula Valadão: "A adoração entroniza o Senhor e é isso que precisamos, profetizar e proclamar que o Seu Reino venha a nós"

Ana Paula Valadão: "A adoração entroniza o Senhor e é isso que precisamos, profetizar e proclamar que o Seu Reino venha a nós"

Fonte: Atualizado: segunda-feira, 31 de março de 2014 11:52

"O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos" (Isaías 61:1)

Da Redação

Líder do Diante do Trono há 11 anos, a pastora Ana Paula Valadão tem visto o seu ministério prosperar e, embora seja um dos grupos gospel mais conhecidos no segmento, a simplicidade da cantora e o amor pela causa do evangelho de Cristo tem mantido a sua vida constantemente diante do altar do Senhor. "O nosso relacionamento com Deus é dinâmico. A cada dia, a cada ano, o Senhor renova nossa inspiracão e as estratégias para prosseguirmos com a mesma paixão em servi-Lo", afirmou Ana, em entrevista exclusiva ao Portal Guia-me .

Conforme aponta o texto de Isaías 61:1 - "O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos" Ana Paula, por meio do Diante do Trono, tem levado as boas novas do Reino para outros países e também, em cumprimento de uma promessa feita por Deus, o anunciado nos meios de comunicação. "Não podia imaginar que poucas semanas depois desta profecia, eu mesma estaria entrando em uma programação como a do Raul Gil. Eles nunca tiveram tanto ibope como naquele dia", relembra.

Ainda nesta entrevista, a pastora falou também sobre a matéria da revista "Veja" entitulada "Dor sem hora para acabar" na qual é retratada a história da menina Lucélia, que sofreu com o abandono dos pais e depois com as agressões da empresária Silvia Calabresi. Na reportagem, Ana Paula, sem ser questionada, foi referida como multiplicadora do sofrimento da menina por não adotá-la após ter manifestado interesse. "Ficamos chocados com a maldade nas palavras, até porque todos os demais veículos de comunicação haviam sido fiéis à verdade, publicando em todo o Brasil, que a Lucélia agora tem uma nova vida, em família, com a Pra. Ezenete [Rodrigues - da Igreja Batista da Lagoinha]", disse Ana ao Guia-me .

Em relação aos novos projetos previstos para 2009, Ana Paula adianta: "Já estamos orando pela gravação ao vivo de 2009, que continuará sendo um ajuntamento profético em um local estratégico da nação, onde proclamaremos que Jesus é o Senhor, o único digno de ser celebrado. Mas também estamos com os olhos voltados para as nações, para que o Senhor nos envie onde desejar para O exaltarmos até os confins da Terra".

Guia-me: Após 11 anos de Diante do Trono e milhões de CDs vendidos, qual tem sido a estratégia de Deus na sua vida para continuar falando de Jesus com a mesma intensidade do início do ministério?

Ana Paula: O nosso relacionamento com Deus é dinâmico. A cada dia, a cada ano, o Senhor renova nossa inspiracão, as estratégias, para prosseguirmos com a mesma paixão em servi-Lo, mas de acordo com a realidade de cada tempo. As estruturas e as formas podem mudar, mas a essência não. E isso se mantém com um coração firme diante do Senhor, como no início.

Guia-me: Neste ano, uma das vitórias que Deus concedeu ao Diante do Trono foi falar de Jesus num programa de TV aberta (Raul Gil). Como foi aproveitar essa oportunidade? Você pode comentar algum testemunho em razão da participação neste programa?

Ana Paula: Eu me lembro de uma palavra profética que o Espírito Santo me trouxe durante nosso Congresso de Louvor, exatamente sobre essa invasão dos meios de comunicação e das artes, pelo Evangelho do Senhor Jesus. E que não deveríamos nos assustar com a presença de artistas cristãos no meio secular testemunhando de Cristo, e até programas de TV abrindo-se para a presença evangélica . Não podia imaginar que poucas semanas depois desta profecia, eu mesma estaria entrando em uma programação como a do Raul Gil. Eles nunca tiveram tanto ibope como naquele dia, foram 9 pontos e geralmente atingem 2 pontos. Foi um testemunho para a nação e o Senhor foi glorificado. Temos muitos registros de pessoas que foram salvas, que se abriram para Cristo naquele dia. Uma mulher, que não era crente, foi até nossa Igreja me procurar. Ela estava assistindo e uma luz entrou na sala pela TV. Ela foi curada, e chorando, reconheceu que era Jesus.

Guia-me: As crianças tem uma forte identificação com o seu ministério. O que você pode adiantar sobre esse novo projeto para as crianças?

Ana Paula: "Para adorar ao Senhor" é a realização de um sonho, de gravarmos as crianças e adolescentes ao vivo, dirigindo o louvor, tocando, dançando, fazendo um verdadeiro culto ao Senhor! O DVD está lindo, e todos estão amando louvar com canções que marcaram todos esses anos do DT.

Guia-me: Como você vê a posição de Belo Horizonte nos planos de Deus para o Brasil?

Ana Paula: BH é uma cidade interessante, dentre muitos aspectos posso ressaltar que ela é sede de diversos ministérios de louvor e adoração relevantes para a nação. Sabemos que a adoração entroniza o Senhor e é isso que precisamos, profetizar e proclamar que o Seu Reino venha a nós, e que Sua vontade seja feita na Terra como no céu.

Guia-me: Na semana passada, você viveu uma situação complicada com uma matéria da revista "Veja". Embora saibamos que a nossa luta não é contra o sangue e a carne, como foi a sua reação inicial? Qual tem sido a sua oração nesse caso?

Ana Paula: Ficamos chocados com a maldade nas palavras, até porque todos os demais veículos de comunicação haviam sido fiéis a verdade, publicando em todo o Brasil que a Lucélia agora tem uma nova vida, em família, com a Pra Ezenete [Rodrigues]. Infelizmente, precisamos não nos deixar desanimar, pois até mesmo o Senhor Jesus foi mal interpretado quando fazia o bem e o chamaram de maioral dos demônios! Eu escrevi nossa defesa, publicamos em nosso site e a Veja publicou meu texto no site deles também. Agora, é continuar pra frente, sem nos importarmos com as oposições. No final, o que importa é que a Lucélia esteja bem, e graças a Deus, ela está ótima e muito feliz.

Guia-me: O Senhor tem confiado um ministério grande ao Diante do Trono relacionado às missões. Como vocês têm respondido a esse chamado?

Ana Paula: Desde nosso início nos comprometemos em sustentar a obra missionária de resgate de meninas da prostituição na Índia. E pela graça de Deus, temos sido fiéis há 11 anos no envio do sustento pleno desta obra. Hoje, já são cinco casas e temos planos de expansão. Aqui no Brasil, sustentamos um abrigo infantil para onde o juizado de menores de BH encaminha crianças em situação de risco. Também sustentamos outros missionários enviados pela nossa Igreja para várias partes do Brasil e do mundo. Respondemos ao chamado do Senhor amando, orando, divulgando missões, às vezes, indo (como nas gravações que fazemos em países como Albânia, Polônia e Turquia) e enviando os nossos recursos para o campo.

Guia-me: Como é conciliar os trabalhos e as viagens com os papéis de esposa e mãe?

Ana Paula: É um desafio, mas o Senhor tem me capacitado e suprido para, sempre que é possível e a viagem é mais longa, poder levar meu filho comigo. Meu esposo também tem visão missionária e isso ajuda muito. Tentamos não ficar longe um do outro por muito tempo.

Guia-me: No último trabalho da Fernanda Brum, você fez uma participação na música "Não é tarde". Como você recebeu o convite da Fernanda? Como você aconselharia as pessoas que passam por situações semelhantes, de dificuldade em engravidar?

Ana Paula: Foi um convite muito especial, porque não gravo com pessoas com quem eu não tenha um relacionamento. E a Fernanda é alguém com quem tenho desenvolvido uma amizade preciosa. A música que cantamos é um testemunho, pois nós duas tivemos a alegria de gerar um filho depois de muita espera e lágrimas. Desejamos que outras mulheres sejam inspiradas a colocarem sua fé e esperança no Senhor.

Guia-me: Quais os próximos projetos previstos?

Ana Paula: Já estamos orando pela gravação ao vivo de 2009, que continuará sendo um ajuntamento profético em um local estratégico da nação, onde proclamaremos que Jesus é o Senhor, o único digno de ser celebrado. Mas também estamos com os olhos voltados para as nações, para que o Senhor nos envie onde desejar para O exaltarmos até os confins da Terra.

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame