Dependentes químicos testemunham libertação das drogas na Associação Ebenézer; veja

Em visita ao projeto, o Pr. Marcos Correa representou o Portal Guiame e registrou com vídeos, alguns depoimentos de internos em processo de recuperação.

Fonte: GuiameAtualizado: quinta-feira, 31 de julho de 2014 18:13
Dependentes químicos testemunham libertação das drogas Associação Ebenézer; veja
Dependentes químicos testemunham libertação das drogas Associação Ebenézer; veja

"Cristo há muito tempo eu vinha sofrendo, por não saber por onde caminhar". O início da letra da música entoada pelos dependentes químicos em processo de recuperação na Associação Ebenézer pode ilustrar bem o passado dos rapazes das mais variadas idades que chegam à Casa, localizada em Pacajus (CE).

Em visita ao projeto, o Pr. Marcos Correa representou o Portal Guiame e registrou com vídeos, alguns depoimentos de internos em processo de recuperação.

Testemunho
Um deles foi Gustavo, que falou sobre um pouco de sua história e sua chegada à Casa. De origem portuguesa, o homem foi um empresário bem sucedido tempos atrás, mas as drogas lhes causaram grandes danos por duas vezes em sua história.

"Eu usei química pela primeira vez há 27 anos, mas já estava limpo há 11 anos, desde que cheguei ao Brasil. Aqui vai um aprendizado para as pessoas verem: Nunca pode-se sentir seguro a ponto de achar que não vai cair. É bom ficar vigilante acerca disso", alertou.

Gustavo também destacou que na primeira vez em que conseguiu passar tanto tempo sem usar drogas, ainda faltava a força que hoje tem o ajudado a se recuperar.

"Fiquei 11 anos limpo, com família estruturada, vida normal, mas tive uma recaída - talvez por não vigiar isso sempre. Principalmente agora eu entendo: antes eu não tinha Deus na minha vida. Faltava Deus na minha vida", destacou.

Clique no vídeo abaixo para assistir:

Contribua com este projeto, fazendo um depósito em alguma das contas abaixo:

Banco Bradesco
Ag: 624-6
C/c: 32.493-0

Banco Itaú
Ag: 1649
C/c: 13638 - 7

Para mais informações, ligue: (85) 8795-2040 ou (85) 8782-9700. Falar com Romel ou Angélica.

www.guiame.com.br 

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame