“Todo dia orei às 3h da manhã, pedi a Deus que realizasse meu sonho”, diz Italo Ferreira

O surfista conquistou a primeira medalha de ouro do Brasil em Tóquio.

Fonte: Guiame, com informações do Globo EsporteAtualizado: terça-feira, 27 de julho de 2021 11:59
Italo Ferreira olha para o céu e agradece pelo ouro do surfe nas Olimpíadas de Tóquio. (Foto: Reuters/Lisi Niesner)
Italo Ferreira olha para o céu e agradece pelo ouro do surfe nas Olimpíadas de Tóquio. (Foto: Reuters/Lisi Niesner)

O surfista Italo Ferreira fez história na estreia do surfe nos Jogos Olímpicos. Na madrugada desta terça-feira (27), ele conquistou a primeira medalha de ouro do Brasil em Tóquio e revelou que o segredo para a sua conquista está na sua fé.

“Eu vim com uma frase para o Japão: diz amém que o ouro vem. E veio. Eu acreditei até o final, treinei muito nos últimos meses e Deus realizou meu sonho”, disse Italo em entrevista à Sport TV.

O surfista de 27 anos contou que a frase “diz amém que o ouro vem” está ao lado de sua cama e revelou: “Todo dia eu orei às 3h da manhã, pedi a Deus que Ele realizasse meu sonho. E tá aí, meu nome está escrito na história do surfe”.

Emocionado, Italo não deixou de expressar sua gratidão: “Só tenho agradecer a Deus, em primeiro lugar, por me dar a oportunidade de fazer o que eu amo, ajudar as pessoas, a minha família. Isso sou eu, fui para a água sem pressão fazendo o que eu amo.”

Filho de pescador, Italo começou surfando em cima de tampas de isopor na pequena comunidade de Baía Formosa, no Rio Grande do Norte. Sua trajetória o transformou não só em um atleta vitorioso, mas em um homem de fé.


Italo Ferreira com a medalha de ouro do surfe nas Olimpíadas de Tóquio. (Foto: Instagram/Italo Ferreira)

Em 2019, quando se tornou campeão mundial da World Surf League (WSL), Italo carregou seu troféu pela cidade de Natal em uma carreata. No entanto, ao passar em frente a uma igreja, ele parou o desfile para levar o prêmio ao altar.

Na ocasião, Italo se ajoelhou e orou. “Ele veio até o altar para agradecer a Deus”, disse o pastor Salviano Germano de Oliveira, da Igreja Universal. “Tanto ele quanto a mãe fizeram um voto com Deus”.

Durante o campeonato de 2019, Italo também revelou em entrevista que costuma orar e pedir a Deus que o proteja como preparativo para as competições.

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame