Geraldo Alckmin agradece pelas orações após a morte do filho e desabafa: "Dor sem limite"

"Só a fé e a solidariedade dos amigos nos ajudam a suportá-la neste momento", escreveu o governador em sua página no Faceboook

Fonte: GuiameAtualizado: quinta-feira, 9 de abril de 2015 16:08
Geraldo e Thomaz Alckmin em foto publicada no Facebook pelo governador
Geraldo e Thomaz Alckmin em foto publicada no Facebook pelo governador

Ainda vivendo o luto pela morte do filho Thomaz Alckmin, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, publicou uma nota sobre o que tem vivido.

Após a missa de sétimo dia, na igreja Nossa Senhora do Brasil, Alckmin agradeceu pelas mensagens que tem recebido e frisou a fé que faz toda a diferença em um momento como esse:

“Perder um filho é uma dor sem limite. Só a fé e a solidariedade dos amigos nos ajudam a suportá-la neste momento. Acabo de retornar da Missa de Sétimo Dia do nosso filho Thomaz. Na segunda-feira, ele teria feito 32 anos. A Lu Alckmin e eu agradecemos a todos pelas mensagens de apoio, solidariedade e carinho. Elas estão sendo muito importantes para nossa família neste momento”, escreveu o governador no Facebook.

Em entrevista, Geraldo Alckmin voltou a agradecer: "Thomaz teve uma vida iluminada. Queremos agradecer por todas as orações. Obrigada a todos."

Lu Alckmin, esposa de Geraldo e mãe de Thomaz, publicou uma foto do filho junto com o um texto de Santo Agostinho. Ela também agradeceu pelo apoio: "Agradeço as mensagens de apoio e solidariedade que muito nos tem confortado nestes dias tão difíceis."

Roberto de Lucena, pastor e deputado federal, também já publicou suas palavras de lamento pela morte de Thomaz. "O ciclo natural da vida é quebrado quando um pai, uma mãe, tem que sepultar um filho (...) Que Deus possa confortar e consolar essa querida família, bem como os entes queridos das demais pessoas que faleceram nesse trágico acidente."

 

Siga-nos

Mais do Guiame