Ainda está solteiro? Veja dez perguntas que você deve se fazer antes de dizer 'sim'

Se você não está pronto, a pior coisa que você pode fazer é correr para o altar. O editor americano J. Lee Grady listou dez perguntas para verificar, de maneira simples, se solteiro, namorados e noivos estão maduros passa casar.

Fonte: Guiame, com informações de Charisma NewsAtualizado: quinta-feira, 26 de março de 2015 19:24
Casal de noivos em cerimônia de casamento. (Reprodução/ Play Buzz)
Casal de noivos em cerimônia de casamento. (Reprodução/ Play Buzz)

 

Nem todo casal cristão, independente da idade, tem maturidade o suficiente para se casar. Se você não está pronto, a pior coisa que você pode fazer é correr para o altar. O editor americano J. Lee Grady listou dez perguntas para verificar, de maneira simples, se um solteiro está pronto passa se casar. Veja:

Você já entregou totalmente a sua vida a Jesus? Você não pode construir uma forte união baseada no romance, na paixão sexual ou apenas em sentimentos. Seu casamento será fraco se você for fraco espiritualmente, e o mesmo acontece se o seu parceiro não está com o coração voltado a Deus. Você está assumindo um risco enorme se você casar se a sua vida espiritual não for saudável.

Você se dá bem com os outros? Se você tem um histórico de relacionamentos quebrados, não espere que no casamento seja diferente. Você precisa obter o controle de sua raiva, ciúme, birras e lamúrias agora, e não depois de se comprometer a viver o resto de sua vida com o seu cônjuge.

Como você e seu parceiro lidam com conflitos? Todos os casais têm discussões. Mas se você está tendo contínuas gritarias e desentendimentos antes de seu casamento, você está pedindo para ter problemas. E se houve qualquer forma de abuso físico ou verbal, reúna as coisas e vá para o aconselhamento.

Você já abriu o seu passado? Casamento significa intimidade. Mas você nunca vai experimentar este dom, se você não for transparente sobre suas falhas e lutas. Se você esconder sua dor por trás de uma máscara, você vai trazer essa dor para o casamento e acabará prejudicando o seu cônjuge. Se você lida com a depressão, vício ou problemas na área sexual, obtenha a cura antes do casamento.

Você confia no passado de seu parceiro? Não se apresse em um casamento se você se sente inseguro sobre a história de seu parceiro – se já foi casado antes, por exemplo. É correto fazer muitas perguntas. Coloque todas as cartas na mesa. Você não quer dormir com um príncipe e acordar com um sapo na lua de mel.

Você está planejando uma vida juntos, ou apenas uma cerimônia de casamento? Muitos casais hoje estão apaixonados com a ideia do casamento, mas eles não pensaram no que vem depois da lua de mel. Se você está obcecado com bolos, flores e a lista de convidados, reveja suas prioridades. Você não quer gastar 25 mil reais em um casamento para depois vê-lo se desintegrar em um ano.

Você é financeiramente responsável? Você não tem que ter rios de dinheiro para ser um casal feliz. Mas se você não planejou como pagar suas contas, o estresse financeiro vai sufocar o seu casamento. Seja sábio. Muitos casais hoje nem sequer aprenderam a administrar uma conta bancária, criar um orçamento ou economizar dinheiro. Encontre um mentor, se seus pais não te ensinaram o básico da gestão da vida.

Como a sua e a família de seu parceiro se sentem sobre esse casamento? Não há garantia de que todos os pais ficarão felizes com suas escolhas. Mas, se há grandes conflitos na família, pode ser preciso reavaliar se esta é uma decisão sábia. Romeu e Julieta se amavam, mas a sua história terminou em uma tragédia por causa das atitudes de seus pais. Procure apoio pastoral, se os membros da família estão tentando incitar um conflito.

Você e seu parceiro têm objetivos e sonhos semelhantes? Você não tem que gostar dos mesmos filmes ou preferir os mesmos tipos de alimentos. Mas quando Deus coloca duas pessoas juntas, uma sustenta os sonhos da outa. Isto é uma verdade, especialmente quando se trata de expectativas sobre os filhos. Se o seu cônjuge não quer ter filhos, e você não assume isso, irá simplesmente "trabalhar fora." Se você é uma mulher que quer uma carreira e seu noivo prefere que fique em casa, é hora de reavaliar. 

Você e seu parceiro oram juntos? Esta é uma maneira perfeita de dizer se você está espiritualmente compatível com o seu parceiro. Se você sentir um profundo nível de intimidade espiritual ao orar com seu noivo, é sinal de que Deus está colocando vocês em conjunto. Mas se o seu parceiro não está interessado em crescer espiritualmente com você, tome isso como uma dica para procurar outro lugar. Quando Deus une um homem e uma mulher, eles devem tornar-se um em todos os sentidos.

 

 

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame