Mulher que sofreu estupro testemunha cura ao encontrar Jesus: “Ele nunca saiu do meu lado”

A queniana Grace Wanjiku, de 38 anos, chegou a pensar em tirar sua vida até ser resgatada por Deus.

Fonte: Guiame, com informações da Assemblies of God EUAAtualizado: sexta-feira, 21 de janeiro de 2022 19:24
A queniana Grace Wanjiku, de 38 anos, está se preparando para o ministério. (Foto: Assemblies of God).
A queniana Grace Wanjiku, de 38 anos, está se preparando para o ministério. (Foto: Assemblies of God).

Com seus 38 anos, Grace Wanjiku já passou por muitas dificuldades em sua vida. A nativa do Quênia foi criada pela avó, após seus pais se separarem. 

Apesar de sua avó ser cristã, ela não passou os ensinamentos de Deus à neta. Para Grace, o Evangelho era apenas um conjunto de regras e não conhecia Jesus pessoalmente. 

“Eu não sabia o que realmente era [a fé cristã] até entregar minha vida a Cristo”, contou ela à Assemblies of God. 

Aos 24 anos, Wanjiku perdeu o pai de forma trágica, em meio a um conflito político. Quatro anos depois, a jovem enfrentou mais uma luta; ela foi estuprada pelo próprio namorado. Após o crime, ele ainda passou a persegui-la.

Grace experimentou uma onda de vergonha e afundou na depressão, com pensamentos suicidas. “Após o abuso, o agressor começou a me perseguir, enviar mensagens ameaçadoras e aparecer no meu local de trabalho”, lembra Wanjiku.

Temendo ser julgada pela família, que não consideraria que ela sofreu abuso sexual devido a normas culturais, Grace não denunciou o ex-namorado e sofreu em silêncio. A jovem apenas contou o que tinha sofrido para sua amiga próxima, Triza, que era cristã e sempre orava por ela.

Triza apoiou e cuidou de Grace e lhe fez companhia para que não se sentisse solitária. Então, a convidou para ir à igreja e, aos 30 anos, Wanjiku conheceu Cristo e entregou sua vida a Ele. 

Ela se envolveu com a igreja local e conheceu a história de outras mulheres que também passaram pelo abuso sexual e encontraram cura para o trauma em Jesus. Grace teve fé que também poderia ser curada por Deus.

A cristã mergulhou no amor de Jesus, encontrou paz e foi curada de sua dor emocional. “Apesar de tudo pelo que passei, Deus nunca me decepcionou. Ele nunca saiu do meu lado. Eu sei que Ele ouve e responde minhas orações”, testemunhou.

Hoje, Grace cursa a escola teológica Northpoint Bible College, nos Estados Unidos, e está se formando em liderança pastoral. Uma das líderes de sua igreja local, Loralie A. Crabtree, afirmou que Wanjiku é uma bênção para sua comunidade de fé e que terá um futuro brilhante em seu ministério.

“As pessoas sentem que estão com Jesus quando estão com Grace. Antecipo plenamente um ministério rico e frutífero nos próximos anos”, declarou Loralie. 

 

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições