Mais de 250 mil Bíblias são distribuídas em zonas de conflito no Sudão

No sul do Sudão, mais de 4 milhões de pessoas perderam suas casas por conta da crise humanitária.

Fonte: Guiame, com informações do Gaceta CristianaAtualizado: segunda-feira, 27 de agosto de 2018 19:26
Mais de 350 mil Bíblias foram distribuídas na Síria, Líbano, Jordânia e Iraque. (Foto: Reprodução)
Mais de 350 mil Bíblias foram distribuídas na Síria, Líbano, Jordânia e Iraque. (Foto: Reprodução)

Cada vez mais há pessoas deslocadas pelo mundo. O número é expressivo: 65,6 milhões de pessoas foram forçadas a deixar suas casas em diversas zonas de conflito, provocando uma crise humanitária em todas as regiões do planeta.

Uma boa notícia neste cenário caótico é que houve um grande aumento na demanda de distribuição de Bíblias entre as pessoas que anseiam pelo conforto, esperança e cura de Deus.

No sul do Sudão, onde quatro milhões de pessoas foram expulsas de suas casas, a distribuição das Escrituras aumentou dramaticamente. A Sociedade Bíblica distribuiu mais de 250 mil Bíblias desde o início do conflito, em dezembro de 2013.

Se comparado com o ano anterior ao início da guerra (2012), foi constatado uma média de 6 mil Bíblias.

Após quatro anos de conflito no leste da Ucrânia, 4,4 milhões de pessoas estão em "grave situação humanitária", segundo as Nações Unidas. No ano passado, a Sociedade Bíblica da Ucrânia distribuiu mais de 190 mil edições das Escrituras, muitas delas para pessoas afetadas pelos combates.

Este grupo de pessoas incluem refugiados, soldados e pacientes hospitalizados. Metade dos que foram distribuídos foram edições especiais do Novo Testamento, incluindo um modelo impermeável aos militares e outro que destaca versos sobre a esperança.

"No meio da tensão, as pessoas buscam o conforto e a estabilidade encontrados na Palavra de Deus", disse o secretário-geral da Sociedade Bíblica, Rev. Oleksandr Babiychuk.

Enquanto isso, dois milhões de artigos baseados na Bíblia, incluindo mais de 350 mil Bíblias completas foram distribuídos na Síria, Líbano, Jordânia e Iraque desde que o conflito atingiu a região em 2011.

Em 2017 um número recorde de 200,281 lotes foi distribuído na Síria, com uma equipe de quatro membros da Sociedade Bíblica, segundo a livraria de Aleppo que ficou aberta quase todos os dias durante os sete anos de guerra.

"Durante o Natal, organizamos nossa maior distribuição", disse George, líder da equipe. "Eu via as crianças quando recebiam os presentes. Eles acham que a Bíblia é um presente especial de Deus. Desta forma, damos às crianças a esperança de que Deus as ajudará neste momento ruim", finalizou.

Siga-nos

Mais do Guiame