Jovem evangeliza e distribui Bíblias para celebridades: "Deus abre portas"

Desde que iniciou este ministério, Dylan Novak já viu muitas celebridades que ele evangelizou se entregarem a Jesus.

fonte: Guiame, com informações do Faith Wire

Atualizado: Terça-feira, 10 Dezembro de 2019 as 11:23

Dylan Novak (esquerda) tem buscado falar de Jesus a celebridades em todo o território dos EUA. (Foto: Arquivo pessoal)
Dylan Novak (esquerda) tem buscado falar de Jesus a celebridades em todo o território dos EUA. (Foto: Arquivo pessoal)

Pode parecer algo bem confortável ou divertido, mas perseguir celebridades e falar-lhes sobre a mensagem de vida, esperança e salvação, que está no Evangelho também é algo bem trabalhoso. É a isso que Dylan Novak, de 25 anos, dedica sua vida: ele procura saber para onde as grandes (e pequenas) celebridades estão indo e dá o seu melhor para encontrá-las. Tudo para que ele possa compartilhar a mensagem de Jesus com elas.

Quando ele tinha 13 anos, Novak disse ao site americano ‘Faithwire’, ele era “o maior nerd de super-heróis / histórias em quadrinhos do mundo inteiro”. Então, quando uma convenção de quadrinhos chegou a Knoxville, Tennessee, ele disse aos pais que tinha que ir a esse evento. Ansioso por conhecer celebridades que interpretaram seus super-heróis favoritos, Novak disse que começou a assistir a todos os filmes e programas e, quando esse poço secou, ​​ele se voltou para as entrevistas.

Ele acabou vendo um episódio do programa da famosa apresentadora "Oprah" com a falecida Margot Kidder, que ficou famosa por interpretar Lois Lane na série de filmes "Superman". Na época, ela estava conversando com a apresentadora sobre seu papel em um filme cristão pouco conhecido, chamado “Tribulation” (2000). Questionada por Oprah sobre o que o filme significava para ela, lembrou Novak, Kidder disse “absolutamente nada”, admitindo que era ateia.

"Eu senti como se tivesse levado um soco no estômago, porque foi quando a realidade me atingiu que Margot Kidder era exatamente como você, como eu e como todo mundo - ela era uma alma a caminho do céu ou do inferno", disse Novak. "E naquela época, ela estava a caminho do inferno".

Depois de assistir à conversa entre Kidder e Oprah, Novak disse que se sentiu "incomodado" a compartilhar o Evangelho com a atriz que estrelou ema "Super-homem". Então ele pegou alguns folhetos de sua igreja e foi para a convenção. Ele conseguiu compartilhar as Escrituras com Kidder duas vezes, antes de ela cometer suicídio em 2018.

Nos dias atuais

O jovem nascido no estado da Virgínia disse que seu ministério desde então foi para além dos eventos passados ​​dos quadrinhos. Atualmente, muitos de seus encontros com celebridades estão "no campo", o que significa que ele fica de olho em locais onde vão acontecer shows, palestras e aparições para a imprensa, além de eventos de “tapete vermelho”. Dessa forma, ele espera do lado de fora dos bastidores, perto de hotéis e aeroportos, tentando abordar as celebridades, por apenas alguns minutos com a celebridade que ele passou horas, se não dias, rastreando.

Desde que abraçou este ministério em período integral no ano de 2015, Novak conheceu mais de 500 pessoas famosas, incluindo o presidente Donald Trump, a ex-secretária de Estado Hillary Clinton, Tom Cruise (“Missão Impossível”), Steve Martin ("Pantera Cor-de-Rosa"), Stan Lee (falecido diretor da Marvel), Kate Flannery ("The Office ”), Duane Chapman (“ Caçador de Recompensas ”), Charlie Sheen (“ Dois Homens e Meio ”), Pete Davidson (“ SNL ”), George Takei (“ Jornada nas Estrelas ”), Bret Michaels (Poison), e muitos outros.

O encontro mais receptivo de Novak até agora, porém, foi com Jerry Lee Lewis, que ele conheceu no início deste ano. O pioneiro da música rockabilly disse ao The Guardian em 2015: "Eu me preocupo se vou para o céu ou para o inferno".

Desde que leu a entrevista, Novak ficou com vontade de conhecer o artista de 84 anos. Ele conseguiu fazer exatamente isso em fevereiro deste ano.

"Quando eu estava conversando com ele, a primeira coisa que ele fez foi tirar folheto que do presente que eu havia lhe dado e disse: 'Como ter certeza de que você está indo para o céu'", lembrou Novak. "Ele se iluminou como uma árvore de Natal e disse à esposa: 'Judith, ele sabia do que eu precisava'".

Uma semana após a conversa em 18 de fevereiro, Novak disse que recebeu uma carta de Lewis. Nele, o cantor disse a Novak que "havia aceitado Jesus como seu Senhor e Salvador pessoal".

"É muito louco ver como Deus pode abrir essas portas", refletiu Novak.

Outro encontro notável para Novak foi sua conversa em setembro com o roqueiro Bret Michaels, que ele conheceu duas vezes. Mais do que tudo, Michaels disse a Novak que ele amou o fato de que o garoto realmente se preocupou com ele.

"Muitas pessoas estão constantemente pedindo algo às celebridades, seja dinheiro, autógrafo, selfie ou qualquer outra coisa", disse Novak. "É como 'O que eles podem fazer por mim?' Em vez de 'Ei, estou aqui porque te amo e me preocupo com você e sua alma'".

O que o futuro reserva?

Novak disse que planeja continuar servindo a Deus ao lado de sua futura esposa, Morgan, a quem ele pediu em casamento no mês outubro (2019), para que eles possam continuar o ministério em tempo integral.

"Morgan tem o maior coração evangelístico de qualquer mulher que eu já conheci; ela tem uma paixão imensa por almas perdidas ”, disse Novak sobre sua noiva. "Ela trouxe uma nova vida ao ministério".

Novak tem grandes esperanças em seu trabalho, explicando que ele deseja que cada Bíblia seja personalizada com o nome de cada celebridade bordado na capa.

"Há muitos eventos todos os dias", disse ele. "Eu realmente poderia estar em algum lugar perseguindo alguém todos os dias, mas por razões óbvias, não posso fazer isso - nossa situação financeira limita isso".

veja também