Jornalista da CNN diz que ‘Jesus não era perfeito’ e é repudiado por cristãos

Don Lemon igualou Jesus a qualquer outro ser humano, afirmando que Cristo 'não foi perfeito' em sua vida terrena.

fonte: Guiame, com informações do Christian Head Lines

Atualizado: Segunda-feira, 13 Julho de 2020 as 8:13

Don Lemon apresenta o programa 'CNN Tonight' na emissora dos EUA. (Imagem: CNN.com)
Don Lemon apresenta o programa 'CNN Tonight' na emissora dos EUA. (Imagem: CNN.com)

Em uma discussão sobre os pais fundadores da América com o jornalista Chris Cuomo, o âncora da CNN (EUA), Don Lemon afirmou que Jesus não foi perfeito — bem como qualquer outro ser humano — durante sua passagem pela Terra.

Na transmissão de segunda-feira do programa ‘CNN Tonight’, apresentado por Don Lemon, o âncora observou que muito do que os americanos aprendem sobre História é "propaganda" e precisa ser revisado, segundo o Washington Examiner.

Lemon passou a abordar as críticas que estavam sendo feitas sobre a remoção da estátuas, incluindo o presidente Trump, seus apoiadores e alguns "liberais muito bem-intencionados".

O jornalista propôs que as pessoas levassem em consideração as remoções de estátuas, em vez de agir com “medo” de que os manifestantes estivessem levando isso muito longe.

"Por que não ter a mentalidade de 'Bem, talvez devêssemos derrubar algumas dessas estátuas?'", Perguntou Lemon.

O âncora da CNN disse a Cuomo que os americanos estavam transformando os fundadores do país em ‘deuses’ em vez de reconhecer que nenhum ser humano é perfeito. Para aprofundar sua argumentação, Lemon usou Jesus como seu principal exemplo como alguém que "reconhecidamente não era perfeito".

"Jesus Cristo, se é nisso que você acredita, Jesus Cristo, reconhecidamente não era perfeito enquanto ele estava aqui nesta terra", afirmou Lemon. "Então, por que estamos transformando os fundadores deste país em deuses, muitos dos quais possuíam escravos?"

Enquanto isso, Cuomo, um católico romano confesso, permaneceu em silêncio, sem refutação.

Repúdio

O vídeo do momento da conversa viralizou e tem sido amplamente criticado por cristãos nas mídias sociais.

"Eu não suporto esses demônios na CNN, eles não podem falar a verdade porque a verdade NÃO está neles", comentou uma usuária.

“Ele não pode julgar o que é perfeito, porque ele é imperfeito. Sua alma não está completa. Mas não se preocupe, no momento em que ele morrer, ele ligará para o pai. Confie em mim nisso. Eu morri duas vezes. Sua mente se voltará para o nosso Senhor”, comentou outro usuário.

“Jesus é perfeito. Ele morreu por todos os nossos pecados. Sinto muito por você ou por qualquer pessoa que diga ou acredite nisso que você diz, neste mundo triste em que vivemos”, comentou uma usuária, como se enviasse uma mensagem a Lemon.

O pastor Robert Jeffress, da Primeira Igreja Batista de Dallas, nos Texas, com 14.000 membros, compartilhou seus pensamentos sobre os comentários de Lemon na Fox News.

"Os comentários de Don Lemon são, antes de tudo, heréticos", disse Jeffress à Fox News, "e contradiz o princípio mais básico da fé cristã e demonstra como a esquerda é surda em relação à fé".

"Nossos pais fundadores, como todos nós, éramos seres humanos imperfeitos", acrescentou Jeffress, "mas Jesus Cristo é diferente de qualquer outro homem, e como fundador de nossa fé, Ele tinha que ser perfeito".

Fundamento bíblico

A Bíblia deixa explicitamente claro que mesmo encarnado como homem, Jesus Cristo foi perfeito, pois viveu uma vida terrena sem pecado (1 Pedro 2:22; 1 João 3: 5; Hebreus 4:15).

As Escrituras também apontam que a única maneira da humanidade se reconciliar com Deus é através de Jesus Cristo, "Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus". (2 Coríntios 5:21).

Ultimamente, cristãos têm criticado a CNN, porque seus âncoras fizeram comentários considerados anti-religiosos e blasfemos.

Na transmissão da semana passada do horário nobre, o próprio Chris Cuomo negou sua fé em Deus, enquanto navegava em circunstâncias difíceis e instou seus espectadores a “procurar dentro de si mesmos as respostas”.

"Se vocês acreditam um no outro e fazem a coisa certa para si e sua comunidade, as coisas vão melhorar neste país", disse Cuomo. "Você não precisa de uma ajuda de cima, ela está dentro de nós".

veja também