Depois de ter Bíblia queimada pelos pais, filhos insistem em oração e os levam a Jesus

Spring e seus 9 irmãos foram proibidos de ir à igreja, mas não desistiram de ganhar os pais para Jesus.

Fonte: Guiame, com informações de Eternity NewsAtualizado: terça-feira, 26 de outubro de 2021 13:08
 Spring e seus 9 irmãos foram proibidos de ir à igreja, mas não desistiram de ganhar os pais para Jesus. (Foto: Herald Malaysia).
Spring e seus 9 irmãos foram proibidos de ir à igreja, mas não desistiram de ganhar os pais para Jesus. (Foto: Herald Malaysia).

O cristão Spring, da Malásia, cresceu numa grande família com 9 irmãos. Seu pais eram taoístas budistas por tradição.

“Meu pai nasceu na China. Quando ele era pequeno, ele foi levado por seu pai para o sul do país e vendido. Foi por causa da fome. Minha mãe também foi vendida quando criança na Malásia e se tornou uma criança de rua. Mais tarde, eles se conheceram e se casaram”, contou Spring ao Eternity News.

No final da década de 1960, seu irmão mais velho conheceu o Evangelho e se tornou um cristão. Então, ele contou as boas novas ao próximo irmão, que contou ao outro irmão, até que todos receberam Jesus como Salvador. Na época, Spring estava no Ensino Médio.

Mas, os pais não ficaram contentes com a notícia de que todos os seus filhos haviam se convertido ao cristianismo. “Meus pais ficaram muito zangados com a notícia. A primeira coisa que fizeram foi trancar nossas bicicletas, para que não pudéssemos ir à igreja. Em seguida, eles queimaram nossas Bíblias e interromperam toda a comunicação com os cristãos”, disse Spring.

As medidas de proibição não funcionaram e os irmãos continuaram crendo em Cristo e guardando sua fé. Então, o pai convocou uma reunião de família e disse: "Como você pôde fazer isso conosco? Não temos sido bons pais? Por que você daria sua lealdade a um Deus estrangeiro?".

“Foi muito difícil. A conversa se prolongou por muito tempo, e procuramos explicar a eles que havíamos encontrado uma pérola, um grande tesouro e que nos trazia muita alegria. Mas eles não ouviram”, lembra Spring.

Orando Atos 16:31

Após a reunião de família, um dos irmãos lançou um propósito de oração aos demais baseado em Atos 16:31, onde diz “Creia no Senhor Jesus e você será salvo, você e toda a sua família”. Assim, todos os irmãos passaram a orar duas vezes por dia pela conversão de seus pais.  “Naquela época, havia nove de nós crendo em Jesus, então eram 6.570 orações por ano”, explicou Spring.

“Com esse tipo de experiência, tudo o que você pode fazer é falar com Deus. Tudo o que você pode fazer é orar, como se Ele estivesse sentado ao seu lado, o tempo todo. Ninguém pode te impedir de fazer isso. Eles podem impedir você de ir à igreja, podem trancar suas bicicletas e queimar suas Bíblias, mas não podem impedi-lo de orar”.

Quando Spring terminou a escola ele foi para a capital da Malásia para cursar a faculdade. Pela primeira vez, o jovem podia ir à igreja livremente e se reunir com outros cristãos. Durante um culto, Spring sentiu que Deus estava sentado ao seu lado, lhe dizendo que o havia chamado para a missão transcultural.

“Mas eu o ignorei. Eu disse a Ele que só iria se minha mãe e meu pai acreditassem”, disse o cristão. Dois anos depois, quando o jovem se formou na universidade, seus pais receberam Jesus. Deus atendeu as orações dos irmãos e a promessa de Atos 16:31 se cumpriu na família de Spring. 

O jovem, obedecendo o chamado do Senhor, foi para a missão em países pobres como Papua Nova Guiné, Paquistão e Afeganistão. Spring trabalhou em selvas, zonas de guerra e campo de refugiados, levando o amor de Deus a quem mais precisava.

 

Siga-nos

Mais do Guiame