Atleta com deficiência visual realiza sonho de ler a Bíblia em braile, no ES

"Isso aqui é uma concretização da obra de Deus na minha vida. Agora eu só vou continuar caminhando, que é levar a palavra de Deus para as pessoas", disse a atleta emocionada após receber o presente da igreja.

Fonte: Guiame, com informações de G1Atualizado: terça-feira, 16 de junho de 2015 20:57
Ao receber o presente, a corredora e paratleta Renata Bazone chorou, emocionada. (g1)
Ao receber o presente, a corredora e paratleta Renata Bazone chorou, emocionada. (g1)

 

A corredora e paratleta Renata Bazone vem carregando o sonho de ler a Bíblia, mas tem apenas 5% da visão. Comovida com sua história, uma igreja a presenteou com um conjunto de livros bíblicos desenvolvidos no sistema de leitura Braille. A entrega do presente ocorreu neste domingo (14). O conjunto, formado por 46 volumes distribuídos em seis caixas, foi doado por uma igreja localizada na Grande Vitória, Espírito Santo.

Depois de ser diagnosticada com retinose pigmentar, Renata parou de enxergar aos poucos. "Tem 10 anos já, ela [a doença] acelerou aos 30 anos e de lá pra cá eu só vim perdendo. Agora estou com 5%", contou.

Desde então, a atleta tem sido fortalecida por sua fé, que gerou nela um desejo cada vez maior de poder ler a Bíblia, mesmo sem poder enxergar. "Só que eu fiquei sabendo que não tem Bíblia em braille e isso me deixou muito triste", lamentou Renata.

Depois que um jornal local veiculou uma reportagem sobre Renata, os membros da igreja decidiram providenciar uma surpresa para a atleta. "A Bíblia diz que os heróis da fé, da fraqueza tiraram forças, e ela é um exemplo disso, de pessoas que mesmo na fraqueza, na dificuldade, tiram forças e continuam lutando", disse o pastor Edmilson Antunes.

Renata foi convidada pela igreja para contar seu testemunho de vida no último culto, e lá foi presenteada com a Bíblia e com a realização de um sonho. Ao receber o presente, ela chorou, emocionada. "Minha próxima meta é aprender o braille, que não é fácil, e ler é muito mais difícil, mas eu vou conseguir. Isso aqui é uma concretização da obra de Deus na minha vida. Agora eu só vou continuar caminhando, que é levar a palavra de Deus para as pessoas", disse.

Em agosto de 2014, Renata venceu como a melhor do Brasil nos 800 e 1.500 metros rasos. Agora, aos 40 anos, ela se prepara para embarcar para o Canadá, onde deve representar o país no Parapan-Americano.

Conferência Voz dos Apóstolos - Inscreva-se!
Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame