Youtube censura vídeo no qual Malafaia criticou postura de Dilma sobre Estado Islâmico

Segundo a própria plataforma internacional de vídeos, o material teria sido removido por "violar a política do Youtube, com relação a conteúdo chocante e repugnante".

Fonte: GuiameAtualizado: terça-feira, 30 de setembro de 2014 17:30
Youtube censura vídeo no qual Malafaia criticou postura de Dilma sobre Estado Islâmico
Youtube censura vídeo no qual Malafaia criticou postura de Dilma sobre Estado Islâmico

Youtube censura vídeo no qual Malafaia criticou postura de Dilma sobre Estado Islâmico

Conforme noticiado esta na manhã pelo Portal Guiame, na última segunda-feira, 29/09, Silas Malafaia havia publicado um vídeo em seu canal oficial do Youtube, no qual criticou a postura da presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT) com relação ao Estado Islâmico. Porém na tarde desta terça-feira, 30/09, o vídeo foi removido.

Segundo a própria plataforma internacional de vídeos, o material teria sido removido por "violar a política do site, com relação a conteúdo chocante e repugnante".

Dilma discursou recentemente em uma assembleia da Organização das Nações Unidas (ONU), apoiando a luta contra a "islãmofobia".

Fato é que a organização terrorista - citada na mídia como "ISIS" - tem torturado e executado milhares de pessoas que se recusem a professar a fé islâmica.

Malafaia criticou a postura de Dilma, que se posicionou contra os ataques ao grupo terrorista e propôs que a situação se resolvesse "com diálogo".

No site oficial de Malafaia, "Verdade Gospel", uma nota afirmou que o vídeo será publicado em outra plataforma.

www.guiame.com.br 

Siga-nos

Mais do Guiame