Jovens levam feiticeira a Cristo durante viagem missionária no Haiti

Guiados por Deus, um grupo de adolescentes evangelizou a mulher, sem saber que era uma feiticeira local.

Fonte: Guiame, com informações do God ReportsAtualizado: sexta-feira, 22 de outubro de 2021 18:27
Guiados por Deus, um grupo de adolescentes evangelizou a mulher. (Foto: YouTube/Reprodução).
Guiados por Deus, um grupo de adolescentes evangelizou a mulher. (Foto: YouTube/Reprodução).

Em 2019, Brant Cole, um pastor de jovens da Walloon Lake Community Church, em Michigan, nos Estados Unidos, sentiu que o Espírito Santo o guiava para fazer uma viagem missionária com o seu grupo de adolescentes à sua igreja irmã no Haiti. 

A igreja haitiana que o grupo visitou fica nas montanhas em Desriveaux e é pastoreada por um esforçado ministro local que viaja a pé ou de motocicleta para as sete congregações que ele cuida, percorrendo aldeias remotas e comunidades muito pobres.

Durante a viagem, o grupo de adolescentes fez atividades recreacionais com as crianças e distribuiu refeições e mantimentos. No último dia da expedição, o pastor Brant estava agradecido por tudo o que fizeram, mas seu coração ardia pela manifestação do “poder de Deus” naquela missão.

Depois de pregar numa praça na noite anterior, Brant sentiu que Deus ainda queria fazer mais. O pastor permaneceu atento à voz do Espírito Santo naquele dia. Enquanto o grupo passava por uma rua de um vilarejo, Cole avistou uma mulher desconhecida e pediu para o motorista parar o veículo, porque precisava falar de Jesus para aquela haitiana. 

Surpresa com a atitude do pastor, a mulher falou que não podia receber Jesus porque tinha muitas dívidas com o diabo. Mas o grupo de jovens insistiu, pregando que Cristo havia morrido na cruz para pagar nossas dívidas e perdoar nossos pecados. 


A equipe de jovens e o pastor Brant. (Foto: God Reports).

Então, a haitiana convidou a equipe de jovens para irem à sua casa. Lá, eles puderam apresentar com mais calma o Evangelho e, pelo poder da Palavra, a mulher abriu seu coração e aceitou Jesus como seu Salvador. 

Depois, o grupo descobriu por outros moradores que a mulher que evangelizaram era uma feiticeira local. O Haiti é um país conhecido pela prática do ocultismo, como o vodu. 

“Outros cristãos tentaram durante anos testemunhar o amor de Deus para ela, mas a mulher recusava”, disse Brant ao God Reports. “Agora vemos como Deus trabalha. Ele trouxe uma pequena equipe de adolescentes, de uma terra distante, dispostos e fez um milagre!”.

Impactados para pregar as boas novas

Ao voltar aos EUA, os adolescentes estavam tão impactados com o milagre de conversão que começaram a pregar o Evangelho em seu país, capacitados pelo Espírito Santo.

“Esses estudantes não foram apenas transformados em suas próprias vidas, mas estão sinceramente em chamas para que Jesus mude os perdidos ao seu redor. O impacto do que Deus fez realmente mudou a vida de todos os que viajaram”, testemunhou Brant.

Falando sobre a geração Z, o pastor afirmou: “Eles só conheceram uma vida filtrada por tecnologias e mídias em constante mudança. Somente em Cristo e na Palavra de Deus eles podem encontrar algo certo e imutável que dê valor e fundamento à suas vidas. A viagem ao Haiti e a salvação da feiticeira foram um momento decisivo em suas vidas!”.




Siga-nos

Mais do Guiame