“Os Quatro Amores” de C.S. Lewis é relançado em edição especial

O autor conhecido mundialmente contempla a essência do amor e analisa as diferentes formas de expressá-lo.

Fonte: Guiame, com informações da assessoriaAtualizado: quarta-feira, 20 de setembro de 2017 20:53
O livro é considerado pela crítica como uma de suas obras mais influentes. (Foto: Reprodução).
O livro é considerado pela crítica como uma de suas obras mais influentes. (Foto: Reprodução).

O autor do livro “As Crônicas de Nárnia” tem mais uma obra publicada no Brasil. Ou melhor, relançada. A editora Thomas Nelson Brasil anunciou o relançamento da obra “Os Quatro Amores”, clássico escrito por C.S. Lewis.

Como expressar de maneira profunda um sentimento comumente tratado de forma tão rasa? Para Lewis, o amor pode ser comunicado de quatro maneiras: Afeição, a forma mais básica de amar; Amizade, considerada a mais rara; Eros, o amor apaixonado; e Caridade, o maior e menos egoísta deles.

Em “Os Quatro Amores”, relançado agora pela Thomas Nelson Brasil em uma edição especial de capa dura com novo projeto gráfico e tradução feita por especialistas nas obras do autor, Lewis contempla a essência do amor e avalia como cada tipo se ajusta aos demais.

Neste livro, considerado pela crítica como uma de suas obras mais influentes, Lewis fala a leitores, cristãos ou não, sobre o princípio do amor, suas diferentes formas de expressão, e também como esse sentimento – comumente tratado de maneira superficial pelas novas gerações – é de extrema importância para toda a humanidade.

Com a maestria que o transformou em um dos autores mais importantes do século XX, Lewis desafia e incorpora definições clássicas do amor de uma forma que continua atual e relevante. Como lembra o escritor, foi por amor que Deus fez existir criaturas inteiramente supérfluas, somente a fim de poder amá-las e aperfeiçoá-las.

Sobre o autor

Clive Staples Lewis (1898-1963) foi um dos gigantes intelectuais do século XX e provavelmente o escritor mais influente de seu tempo. Era professor e tutor de literatura inglesa na Universidade de Oxford até 1954, quando foi unanimemente eleito para a cadeira de Inglês Medieval Renascentista na Universidade de Cambridge, posição que manteve até a aposentadoria. Lewis escreveu mais de 30 livros que lhe permitiram alcançar um vasto público, e suas obras continuam a atrair milhares de novos leitores a cada ano.

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame