Editora Vida Nova lança nova edição do livro "Cativo à Palavra" sobre Martinho Lutero

Desde sua primeira publicação, há mais de 50 anos, Cativo à Palavra: a vida de Martinho Lutero, de Roland H. Bainton, já vendeu milhões de exemplares.

Fonte: Guiame, com informações da assessoriaAtualizado: sexta-feira, 2 de junho de 2017 11:56
O livro publicado pela Editora Vida Nova já se encontra nas lojas. (Foto: Divulgação).
O livro publicado pela Editora Vida Nova já se encontra nas lojas. (Foto: Divulgação).

Neste ano os cristãos celebram os 500 anos da Reforma Protestante, um acontecimento que marcou a história do cristianismo. Protagonizado por Martinho Lutero e sua brava coragem e fome pela Verdade, o fato causou uma reviravolta no cenário religioso da época e essa mudança ecoa até os nossos dias.

“A menos que seja convencido pelas Escrituras e por raciocínio claro, não aceito a autoridade de papas e concílios, pois eles se contradizem uns aos outros. Minha consciência é cativa à Palavra de Deus. Não posso e não me retratarei em nada, pois ir contra a consciência não é correto nem seguro. Que Deus me ajude. Amém. Martinho Lutero”, escreveu o reformador na época.

O livro publicado pela Editora Vida Nova já se encontra nas lojas, têm 416 páginas e no site da editora está custando R$ 73,90.

Obra importante para estudiosos

Desde sua primeira publicação, há mais de 50 anos, Cativo à Palavra: a vida de Martinho Lutero, de Roland H. Bainton, já vendeu milhões de exemplares. Continua a ser a introdução definitiva para o grande reformador e uma leitura essencial para aqueles que procuram entender essa grandiosa figura histórica.

A Reforma do século 16 foi um movimento amplo e envolveu reis e camponeses, cardeais e padres locais, monges e mercadores. Espalhou-se de uma a outra ponta da Europa e se manifestou das mais diversas formas. Ainda assim, apesar de seu caráter heterogêneo e complexo, para começar a compreender a Reforma é preciso conhecer apenas um nome: Martinho Lutero.

A história de Lutero já ganhou produções cinematográficas, sendo a última protagonizada por Joseph Fiennes em 2003. O curioso é que mais tarde, Fiennes retorna às telonas para viver o papel de Clavius, um poderoso centurião romano agnóstico e cético no filme Ressurreição (Risen) em 2016.

De acordo com a Revista Time, a obra é a “biografia de Lutero de mais fácil leitura em língua inglesa”. Já a Chicago Tribune afirma que o livro se trata de um “retrato sólido e maduro do homem e de seu papel na história”.

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame