“Lua de Sangue” - O céu sinaliza a volta de Cristo

Olhos atentos para o alto, Jesus está voltando!

Fonte: GuiameAtualizado: domingo, 27 de setembro de 2015 13:44
lua de sangue
lua de sangue

O que parecia distante, até mesmo para muitos cristãos, está cada dia mais perto. Mais do que nunca, a igreja deve estar preparada para o Arrebatamento e a Volta de Cristo. Catástrofes, crises e toda a criação estão emitindo sinais claros de que este dia não tardará, conforme descreve o evangelho segundo Lucas:e haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas; e sobre a terra haverá angústia das nações em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas. Os homens desfalecerão de terror, e pela expectação das coisas que sobrevirão ao mundo; porquanto os poderes do céu serão abalados. Então verão vir o Filho do homem em uma nuvem, com poder e grande glória. Ora, quando essas coisas começarem a acontecer, exultai e levantai as vossas cabeças, porque a vossa redenção se aproxima”. Lc 21:25-28.

Nesta passagem, Jesus fala das características que irão marcar a sua vinda, inclusive fenômenos da natureza sinalizados pelo sol, lua e estrelas. Se nos atentarmos à lua e lembrarmos que no próximo dia 27 de setembro teremos uma Lua de sangue, estaremos mais atentos ao que para nós cristãos significam sinais proféticos. Os livros de Joel, Apocalipse também mencionam o fenômeno.

“Mostrarei prodígios no céu e na terra: sangue, fogo e colunas de fumaça. O sol se converterá em trevas, e a lua, em sangue, antes que venha o grande e terrível Dia do Senhor.”  Jl2.30-31.

“O sol se tornou negro como saco de crina, a lua toda, como sangue”  Ap6.12.

Estamos vivendo momentos Proféticos que nos leva a ficar alertas e com grandes expectativas quanto ao Arrebatamento da Igreja e a Volta de Jesus. Sábios e teólogos estão alertas aos sinais e às próximas datas, 27 e 28 de setembro.

No dia 27 de setembro, astrólogos e teólogos de todo o mundo estarão esperando o último eclipse total da Lua, a "Lua de Sangue", que ocorreu em uma sequência conhecida como tétrade.

No dia 28 de setembro, começa a Festa dos Tabernáculos. De acordo com o calendário gregoriano, essa data equivale ao dia 15 de Tishrei — o primeiro mês do calendário civil hebraico e o sétimo mês do calendário religioso. 

Para os Judeus, Sucot conhecida também como a Festa dos Tabernáculos ou Festa das Cabanas  está relacionada com a vinda do Messias o que para nós significa o retorno de Jesus Cristo. É a maior festividade do calendário judaico e atualmente reúne multidões no Muro das Lamentações em Israel. São sete dias para relembrar o êxodo dos Hebreus no deserto após a saída do Egito e expressar gratidão a Deus pelas colheitas da estação e profetizar a vinda do Messias. 

Muitos rabinos messiânicos crêem,  que, da mesma forma em que Jesus nasceu durante uma Festa de Sucôt, também voltará no mesmo período. 

Segundo a tradição judaica, Jesus nasceu em uma Festa dos Tabernáculos porque na Bíblia diz que a palavra se fez carne e Tabernáculos. 

A palavra 'Tabernacular' significa 'armar tendas' exatamente como acontece na festa dos Tabernáculos. 

A palavra também diz que no fim dos tempos os anjos virão para recolher o trigo e colocar no celeiro do Eterno (Deus).

O trigo são os justos, o trigo é recolhido quando a colheita termina. 

“Por isso podemos supor que o arrebatamento vai acontecer em uma Festa dos Tabernáculos”.

Esta é a primeira vez que temos tantos sinais e acontecimentos juntos: Shemitah, Jubileu e Lua de sangue. 

Os rabinos e os nossos sábios esperam grandes acontecimentos em Israel, inclusive algumas tragédias. “Além de ser um tempo em que a gente tem que se alegrar, tem que ser um tempo também de vigilância”. “Se ocorrer tragédias com Israel, elas podem respingar na igreja, porque é um corpo só.”

No mínimo é um alerta "vermelho" de Deus dizendo: “Prepara-te, pois Jesus está Voltando”!

“... Precisamos arrumar a nossa casa, perdoar e pedir perdão, entrar em um profundo estado de arrependimento e nos santificar a cada dia...” 

 pr. joel Engel

Fontes de pesquisa: www.chamada.com.br e www.guiame.com.br

 

LUA DE SANGUE

Esse fenômeno acontece quando a lua está cheia e sua órbita passa mais perto da Terra. Isso faz com que a lua pareça ser 14% maior e até 30% mais brilhante. Só que a superlua de domingo é muito mais especial.

Ao mesmo tempo, vai acontecer um eclipse de uma superlua. Para se ter ideia de como esse fenômeno é raro, essa vai ser apenas a sexta vez que isso ocorre desde 1900. O eclipse lunar ocorre quando o sol, a Terra e a lua ficam alinhados.

Como a lua vai estar bem pertinho da Terra, só os raios solares filtrados pela nossa atmosfera chegam a ela. E esses raios filtrados deixam a luz com uma cor diferente, avermelhada. É a chamada lua de sangue.

Então, se o tempo ajudar, não deixe de ver a lua de sangue. Começa às 21h11 da noite de domingo e vai até as 2h22 da madrugada de segunda (28). E a lua vai estar mais vermelha e brilhante às 23h47 da noite de domingo.

Joel: 2-31 “O sol se converterá em trevas, e a lua em sangue, antes que venha o grande e terrível dia do Senhor”.

Apocalipse: 6-12 “E, havendo aberto o sexto selo, olhei, e eis que houve um grande tremor de terra; e o sol tornou-se negro como saco de cilício, e a lua tornou-se como sangue”.

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame