A morte não tem mais a última palavra

Muito embora a enfermidade ainda nos aflija, não precisamos mais ter medo da morte

Fonte: Guiame, Hernandes Dias LopesAtualizado: quarta-feira, 9 de setembro de 2015 16:24
Luto _ imagem ilustrativa
Luto _ imagem ilustrativa

A enfermidade sempre traz dor e apreensão em nosso coração. Onde ela chega, transtorna o ambiente, sobretudo, quando essa enfermidade é um desafio aos recursos da medicina. Lázaro, amigo de Jesus, estava enfermo e suas irmãs enviaram um mensageiro a Jesus.

Esperavam que Jesus viesse imediatamente. A morte de Lázaro e a demora de Jesus lançou dúvidas no coração do povo acerca de seu amor pela família. Quando Jesus chegou em Betânia, há havia quatro dias que Lázaro estava sepultado.

A situação era irremediável, assim pensou Marta. Mas, Jesus, aquele que é a ressurreição e a vida não chegou atrasado. Chegou no tempo oportuno de Deus e Lázaro da sepultura e o trouxe à vida.

Muito embora a enfermidade ainda nos aflija, não precisamos mais ter medo da morte. A morte não tem mais a última palavra. Quem crê em Jesus não morre eternamente, mas passou da morte para a vida!

 

Siga-nos

Comentários

Mais do Guiame