Avivamento ou crise? Onde a igreja está?

Existe um ambiente propício para um avivamento, e ele se chama CRISE de identidade.

Fonte: Guiame, Bruno dos SantosAtualizado: quarta-feira, 3 de julho de 2019 19:56
(Foto: Getty)
(Foto: Getty)

Hoje em dia o que muitos estão chamando de avivamento, não é de forma nenhuma um avivamento. E eu explico por quê.

Mas antes quero esclarecer algo importantíssimo. Estamos vivendo um tempo que foi profetizado na Palavra. A crise teológica tem surgido em todo o mundo onde muitos são incapazes de discernir entre a verdade e o engano.

Vejamos: O Espírito diz claramente que nos últimos tempos alguns abandonarão a fé e seguirão espíritos enganadores e doutrinas de demônios. Tais ensinamentos vêm de homens hipócritas e mentirosos, que têm a consciência cauterizada e proíbem o casamento e o consumo de alimentos que Deus criou para serem recebidos com ação de graças pelos que creem e conhecem a verdade. (1Tm 4:1-3).

As Escrituras são claras ao dizerem que muitos cairão da fé, através da ofensa, medo, crise pessoal, política, ideologias, e decepção abundante dentro da igreja. (Mt. 24:9-13; Lu. 21:26; 2 Tess. 2:3; 1 Tim. 4:1-2; 2 Tim. 3:1-7; 4:3-5; 2 Ped. 2:1-3).

O que isso significa? Que se queremos de fato um avivamento, o primeiro passo é não participar ou promover nenhum congresso de avivamento pra crentes! Eis a distração! Todo avivamento espiritual promovido por Deus, tem o objetivo final de transformar a sociedade não-cristã. Avivamento acontece nas ruas, nos bares, nas praias, nas faculdades, na sociedade geral. O que acontece na igreja é um descerramento espiritual. Um senso inequívoco da presença de Deus e de que os filhos precisam manifestar a Sua Obra para o mundo.

Avivamento não é pintar a Igreja de Preto, as chamadas “BlackChurchs”, avivamento não é um "louvorzão tipo Hillsong”, avivamento não é fazer parte da igreja do pastor modinha da rede social ou que possui mais seguidores. Avivamento é cuidar do pobre, da viúva, do órfão e do estrangeiro. Avivamento é melhorar a sociedade com educação, orar pelas autoridades e refletir o Amor de Cristo para com os mais necessitados. Avivamento é manifestar a Glória de Deus ao mundo, e ela tem nome. Se chama CRISTO. Não é um poder mágico, uma unção especial, uma profecia encomendada. É UMA PESSOA que abraça, ama, restaura, cura e acima de tudo SALVA.

O que existe hoje é uma grande crise de identidade. Ou ela segue uma igreja "tipo Hillsong", tipo "Célula", tipo "Sem Placa", tipo Histórica, tipo Pentecostal... enfim... A igreja precisa ser bíblica. É por isso que a igreja “institucional" está perdida em suas manias e visões ministeriais. Avivamento é tornar-se mais vivo. E fé viva é ajudar o próximo, libertar o próximo e salvar, através da pregação, o próximo... o próximo. O alvo de um verdadeiro avivamento é o próximo!!!

Por Bruno dos Santos, Teólogo, Escritor, Lifecoaching e Palestrante nas áreas de Espiritualidade, Liderança e Autogestão.

* O conteúdo do texto acima é de colaboração voluntária, seu teor é de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Siga-nos

Mais do Guiame