Trago no meu corpo as marcas de Cristo

Trago no meu corpo as marcas de Cristo

Sem mais, que ninguém me perturbe, pois trago em meu corpo as marcas de Jesus. Gálatas 6:17

De forma muito clara, o apóstolo Paulo diz: “Trago em meu corpo as marcas de Cristo".

Eu e você também temos marcas, algumas visíveis e outras invisíveis. Tenho no meu corpo uma marca de quando era menino – tive catapora.

Sempre que tomo sol na pele, a marquinha não queima, porque virou uma cicatriz.

As marcas no corpo são mais fáceis de retirar, do que as marcas da alma, essas machucam mais que as feridas que estão externamente expostas.

Muitas pessoas hoje possuem marcas de grandes tragédias e outras marcas de alegria, fé e esperança.

A Bíblia relata a história de Jacó, ele lutou com Deus, e por isso foi marcado por Ele, passando a mancar de uma perna por toda a vida. Sua marca foi da determinação em ser abençoado. Gn 32.22-29.

Caim também foi marcado, sua marca remetia a um sinal de maldição. Gn 4.15.

A marca de Sansão era o seu longo cabelo, ele era um nazireu e por isso não podia passar navalha em seus cabelos. Depois que pecou contra Deus suas marcas foram seus olhos vazados. Jz 16.21.

Converso com muitas mulheres que durante a gravidez, foram maltratadas por seus maridos.

Nesse período, a mulher encontra-se mais sensível, tendo desejos, ficando preocupada com a aparência, cobrando do marido carinho, atenção, e satanás aproveita esse momento para ocasionar marcas que podem ser difíceis de serem apagadas.

Conheço pessoas que possuem marcas na vida, geradas por notícias inesperadas, como a morte de um ente-querido, um aviso de demissão, etc, gerando traumas.

Quando era menino, na nossa casa, não tínhamos aniversário. Nossos pais, não tinham tempo de ficar fazendo festa – éramos 11 filhos. Eu não gostava do meu aniversário, nem que o comemorassem.

No dia do meu aniversário, procurava entrar antes do culto começar, e depois do culto terminar. Mas um dia a igreja resolveu fazer uma festa para mim. Na terça-feira, um irmão entrou na igreja com uma pomba, as crianças cantando parabéns. Na hora fiz uma cara de que não gostei, então veio a mocidade, as senhoras, outros departamentos e foram uns 30 a 40 minutos de homenagem.

Fiquei chateado, desci para o gabinete muito triste, quando fui para casa, orei e Deus falou comigo claramente que eu precisava ser curado.

Na verdade, não é que eu não gostava das comemorações, eu precisava de cura e fui sarado nesse dia. Pensei: “Será que vou querer uma homenagem depois de morto?” e pedi cura a Deus e essa cicatriz foi literalmente arrancada do meu corpo. Hoje, vibro com meu aniversário.

Comecei a ganhar presentes, quando passei a amar meu aniversário. Tudo que você ama, Deus te dá, e o que você não ama você não persegue.

Depois do episódio do meu aniversário, o pastor Silas Malafaia, veio num culto de domingo na Getsêmani e levantou uma oferta para mim. Sabe por que isso aconteceu? Eu estava curado.

Quantas mulheres são viúvas e trazem no seu corpo a marca da viuvez? Estão sempre tristes e não aceitam nem um homem aproximar-se delas. Tudo passa a girar em torno dessa marca na vida da pessoa. Ore para que isso saia de sua vida.

Talvez você esteja trazendo no seu corpo as marcas da revolta, da angústia, do engano, não permita que isso aconteça, traga em seu corpo as marcas de Jesus, seja liberto.

Que as pessoas possam ver nas nossas vidas marcas de alegria, paz, verdade, justiça, mansidão, fé.

Que Deus te abençoe!

Pr. Jorge Linhares

*Mensagem ministrada na Terça-Feira da Vitória (08-02)

Edição: Renata Santana (Comunicação Getsêmani)

Jorge Linhares   é pastor da igreja batista Getsêmani, em Belo Horizonte (MG). Cursou Estudos Sociais e Teologia. É presidente do "CPEMG" (Conselho de Pastores do Estado de Minas Gerais), vice-presidente do "CIMEB" (Conselho Interdenominacional de Ministros Evangélicos do Brasil), presidente da "Associação de Escolas Cristãs de Minas Gerais" e do "FENASP" (Fórum Evangélico Nacional de Ação Política e Social). O pastor escreveu mais de 100 livros, entre eles o best-seller "Bênção e Maldição", que supero u a marca de um milhão de exemplares e foi traduzido para o inglês e o espanhol.

Site oficial:   www.prjorge.com.br  

'